Categorias
Destaque Educação Notícias

Alunos da rede municipal de Cabo Frio participarão de concurso com foco no meio ambiente

Promovida pela Prolagos, atividade será aberta à participação de alunos do 6º ao 9º ano

Os alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental da rede municipal de Cabo Frio poderão participar do Concurso Cultural “Preservar é da nossa natureza”, promovido pela Prolagos, concessionária responsável pelo abastecimento de água e captação e tratamento de esgoto no município.

A ação faz parte das comemorações do Dia do Meio Ambiente, ocorrido no último dia 5 de junho. As inscrições serão abertas no próximo dia 14, terminam no dia 18 de junho, e podem ser feitas pelo e-mail social.prl@prolagos.com.br.

Com base no tema “Quais os impactos positivos do saneamento para o meio ambiente da sua cidade?”, os estudantes produzirão um vídeo de curta duração relacionando o saneamento e a preservação ambiental. Serão avaliados quesitos como pensamento crítico e reflexivo, criatividade e inovação.

A escolha dos finalistas acontecerá por meio de comissão julgadora, formada por colaboradores da concessionária. Serão escolhidos dois finalistas por município da área de cobertura da concessionária, totalizando 10 produções.

Os vídeos serão publicados nas redes oficiais da concessionária. A escolha do melhor material será através de júri popular. O vencedor será premiado com um smartphone.

O secretário de Educação de Cabo Frio, Flávio Guimarães, recebeu com entusiasmo a notícia do concurso voltado aos estudantes do município.

“O estímulo do pensamento crítico e de atividades como essa, que promovem a conscientização ambiental entre os alunos da rede municipal, é celebrado pela Secretaria de Educação. Estamos fomentando a participação, por meio dos diretores das unidades escolares, do maior número possível de estudantes inscritos. E estamos torcendo para que Cabo Frio saia vitorioso na elaboração do projeto”, comentou o secretário.

Para garantir a participação, o aluno deve encaminhar o vídeo finalizado por email, contendo título do trabalho, nome completo dos integrantes do grupo, além do número da turma e unidade escolar em que está matriculado no ano letivo de 2021.

Categorias
Assistência Social Destaque Notícias

Prefeitura de Cabo Frio inicia capacitação de funcionários do Abrigo Municipal

Cerca de 40 profissionais aprovados no processo seletivo serão treinados até o mês de julho

Com o objetivo de levar noções jurídicas, sociais e psicológicas, a Prefeitura de Cabo Frio iniciou, nesta quarta-feira (9), a capacitação dos candidatos aprovados no Processo Seletivo da Assistência Social, que começaram a trabalhar no último dia 1º de junho no Abrigo Municipal de crianças e adolescentes.

Segundo a diretora do espaço, Vanessa Sampaio, esta é a primeira vez que a Prefeitura promove uma capacitação para funcionários do equipamento.

“Esse treinamento é de suma importância num trabalho como este. É ferramenta essencial para o bom desempenho dos profissionais envolvidos no atendimento às crianças e adolescentes acolhidos no abrigo”, contou.

A capacitação, que acontece até o mês de julho para 40 funcionários, está sendo realizada em parceria com os profissionais que integram a rede de proteção à infância e juventude, como o delegado titular da 126ª Delegacia de Polícia, Carlos Eduardo Almeida, o médico pediatra e legista do Instituto Médico Legal de Cabo Frio, Carlos Alberto Simões, e também com os demais órgãos envolvidos, como o Centro de Recursos Integrados de Atendimento ao Adolescente e o Centro de Atendimento Psicossocial.

O primeiro dia de capacitação foi dividido em dois turnos para evitar aglomeração. Entre os profissionais em treinamento estão assistentes sociais, enfermeiras, pedagogos, cozinheiros, agentes administrativos, motoristas, orientadores sociais, auxiliar de serviços gerais e psicólogos.

Na ocasião, a secretária municipal da Criança e do Adolescente, Betânia Batista, ressaltou a importância do trabalho que os profissionais desenvolverão no abrigo.

“Sei que esta é uma instituição que exigirá muito de cada um, principalmente por se tratar de atenção e cuidado. Mas tenho certeza que todos farão um trabalho de excelência, principalmente se tiverem a verdade como base das suas relações interpessoais. A transparência gera confiança. E no abrigo municipal essa atitude será imprescindível. Às vezes, basta uma presença ou um gesto de carinho para fazermos a diferença na vida de uma criança”, lembrou.

A capacitação continuará durante os dias 10, 16, 21 e 23 de junho, e em julho contará com a participação do Corpo de Bombeiros de Cabo Frio, que ministrará um curso de primeiros socorros.

Categorias
COMSERCAF Destaque Notícias

Bairro Itajuru, em Cabo Frio, recebe mutirão de limpeza

Equipes retiraram lixo doméstico, entulho, galhos e materiais inservíveis, entre outros serviços

Equipes da Prefeitura de Cabo Frio estiveram nesta quarta (9) e quinta (10) no bairro Itajuru, em Cabo Frio, levando mais um mutirão de ações coletivas de limpeza. Além de preservar a organização do bairro, todos os serviços oferecidos pela Companhia de Serviços de Cabo Frio (Comsercaf) foram levados ao local. A atividade foi acompanhada de perto pelo presidente da autarquia municipal, Heitor Fonseca, e pelo vereador Davi Souza.

Dando continuidade à agenda de mutirões, o Itajuru foi atendido com retirada de lixo doméstico, entulho, galhos e materiais inservíveis. Também houve poda de árvore, desentupimento de rede de esgoto e galerias pluviais, limpeza de ralos e bueiros, capina, roçada, varrição e manutenção de iluminação pública.

De acordo com o presidente da Comsercaf, Heitor Fonseca, a união dos serviços otimiza o trabalho realizado pelas equipes.

“Sempre fazemos uma avaliação dos bairros antes de destinar maquinário e equipes para o local. Com a presença de diversos setores e realização de inúmeros serviços, podemos alcançar um melhor desempenho. O trabalho coletivo traz um ótimo resultado e muitos benefícios para a população”, destacou o presidente.

Para oferecer os serviços, foram disponibilizados equipamentos como duas retroescavadeiras, dois caminhões truck, cinco caminhões basculantes, quatro pick-ups de apoio, uma carreta, um caminhão compactador, dois caminhões munk, motosserras e outros equipamentos.

Categorias
Covid-19 Saúde Status da Vacinação vacinação Covid-19

Vacinação no drive-thru é suspensa nesta quinta (10) em Cabo Frio por causa da chuva

Atendimento nas unidades de saúde específicas para imunização contra o coronavírus segue normalmente

A Prefeitura de Cabo Frio informa que a vacinação contra a Covid-19 em sistema drive-thru está suspensa nesta quinta-feira (10) devido ao mau tempo. O serviço estava sendo oferecido no Centro Municipal de Reabilitação, no bairro Novo Portinho, e no PAM de Santo Antônio, em Tamoios. A previsão é que o sistema volte a funcionar nesta sexta-feira (11).

Nesta quinta-feira (10) o drive-thru atenderia idosos que estão no período para receber aplicação da segunda dose da vacina AstraZeneca, e ainda com a primeira dose para profissionais da educação das redes pública (municipal, estadual e federal) e privada que atuam no município nos seguintes de educação infantil (creche e pré-escola), ensino fundamental 1 e 2 e ensino médio, de 18 a 29 anos.

Com a suspensão, os idosos poderão receber o imunizante nas unidades de saúde específicas para vacinação contra a Covid -19, até às 16h. Quem perdeu o prazo da aplicação, também deve comparecer para se vacinar.

Para se vacinar com a segunda dose, o cidadão deve apresentar o cartão de vacinação comprovando a aplicação da primeira dose em Cabo Frio, e também o documento oficial com foto, CPF ou Cartão Nacional do SUS, comprovante de residência com endereço na cidade.

Já os profissionais de Educação podem se vacinar no PAM de São Cristóvão, no primeiro distrito, e no Centro Educacional Municipal Marli Capp, em Unamar, no segundo distrito, até às 15h, além das unidades de saúde específicas para Covid-19, até às 16h.

Para receber o imunizante, o profissional precisa apresentar o documento de identidade, CPF ou Cartão Nacional do SUS. Será necessário entregar a cópia do contracheque com local de trabalho e cargo ou comprovante de vínculo ativo com carimbo e assinatura do responsável da escola. Também é obrigatória a apresentação do comprovante de residência para quem mora em Cabo Frio mas trabalha em outra cidade.

Categorias
Agricultura e Pesca Destaque Notícias

Primeira etapa da vacinação contra febre aftosa termina no próximo dia 15 em Cabo Frio

Após encerramento, produtores terão cinco dias úteis para enviar a declaração de vacinação para o Núcleos de Defesa Agropecuária

A primeira etapa da vacinação contra a febre aftosa terminará no próximo dia 15 de junho, em todo o Estado do Rio de Janeiro. Após esta data, os produtores de Cabo Frio terão cinco dias úteis para acessar o site do Núcleo de Defesa Agropecuária (http://www.declaracaoeatualizacaocadastral.rj.gov.br/) e enviar a declaração de vacinação.

O envio do documento é feito por meio do Sistema de Integração Agropecuária (SIAPEC), gerenciado pela Secretaria de Estado de Agricultura, por meio da Defesa Agropecuária. Além da declaração de vacinação, é preciso, também, anexar a imagem da nota fiscal da compra da vacina.

De acordo com a veterinária Márcia Tavares, a partir do dia 16 de junho os pecuaristas de Cabo Frio que tiverem dificuldade para enviar a declaração de vacinação para o Núcleo de Defesa Agropecuária, podem solicitar ajuda da Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca, na Fazenda Campos Novos, em Tamoios, de segunda a sexta, das 9h às 16h.

“A declaração precisa estar totalmente preenchida. Por meio dela é comprovada a vacinação do rebanho e é feita a atualização do cadastro da propriedade. Sabemos que há produtores com dificuldade de acesso à internet, ou para lidar com tecnologia. Por isso vamos ajudá-los nessa etapa, auxiliando no preenchimento e envio da declaração”, explicou Márcia.

A veterinária lembrou, ainda, que a vacinação do rebanho é uma obrigação prevista na legislação e cabe ao pecuarista cumprir essa etapa.

“Estamos trabalhando para dar condições ao produtor de atender a determinação legal, evitando riscos à saúde dos animais”, alertou.