Aeroporto de Cabo Frio formaliza acordo com Houston Airport para o mercado de petróleo e gás


Um acordo de cooperação entre o sistema aeroportuário de Houston, onde fica a sede americana da indústria de petróleo, e o Cabo Frio Airport deve atrair empresas do setor para o município e, consequentemente, aumentar a arrecadação de impostos na área de óleo, gás e transporte. A principal motivação para a parceria é aproveitar a proximidade do município com as bacias de Campos e de Santos para fazer com que a cidade seja porta de entrada de Houston no Brasil.

Na prática, a ideia é fazer com que Cabo Frio passe a receber voos de carga do setor diretamente, sem escalas por outros aeroportos, como acontece atualmente. O protocolo de intenções de negócios foi assinado recentemente no Encontro do Comitê de Desenvolvimento de Comércio Internacional da Greater Houston Partnership (GHP), nos EUA.

Com a medida, a expectativa é aumentar o volume de aeronaves utilizando a pista local. Participaram do encontro na cidade americana Ricardo Pereira, superintendente aeroportuário do município; Kleber Meira e Murilo Junqueira, presidente e diretor, respectivamente, da Costa do Sol Operadora Aeroportuária S/A Cabo Frio.

“A formalização das operações é muito importante para Cabo Frio porque abre as portas para receber mais aeronaves de carga da área de petróleo e gás, como também de outros segmentos. Amplia o leque de pousos porque com a ligação direta poderemos receber qualquer tipo de carga”, explicou Pereira.

O contrato de cooperação foi firmado baseado em quatro pilares, que são:
1 – incentivar o tráfego de carga aérea entre os terminais;
2 – identificar sinergias com potenciais parceiros, clientes e produtos;
3 – compartilhar conhecimento e experiências para desenvolvimento de novos negócios;
4 – criar um canal direto e transparente para viabilizar todas as ações.

O Houston Airport System é responsável por administrar o George Bush Intercontinental Airport, o William P. Hobby Airport e o Ellington Airport.

 

Sem classificação

Comentários estão desabilitados.

FECHAR ACESSIBIILIDADE