Cabo Frio participa de capacitação do CadÚnico do Governo Federal

Técnicos da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) participaram de uma capacitação ministrada pela Caixa Econômica Federal para o novo Sistema do Cadastro Único – Versão 7, dos programas sociais do Governo Federal. A qualificação foi realizada nos dias 7 e 8 de agosto na sede da Caixa Econômica Federal, no Centro do Rio de Janeiro, em conjunto com a Secretaria Nacional de Renda de Cidadania-Senarc, com a Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação-Sagi, e com o apoio da Coordenação Estadual do Cadastro Único/PBF.

O município foi representado pela Secretaria Municipal de Assistência Social, com de equipes técnicas dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) Central, Praia do Siqueira e Botafogo. Na avaliação da gestão do CadÚnico/PBF em Cabo Frio, o curso significou um importante avanço na busca por atendimentos de excelência aos usuários da Assistência Social.

“As ações educacionais são essenciais para a operacionalização do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família e tem o objetivo de capacitar operadores recém contratados pelos municípios. Em Cabo Frio os serviços são sempre atualizados e os técnicos estão em constante qualificação tanto em atendimento quanto em operação do sistema” – informou a coordenadora do setor Rachel Maia Azevedo.

O CadÚnico é um instrumento que identifica e caracteriza as famílias de baixa renda, permitindo que o governo conheça melhor a realidade socioeconômica da população. Nele são registradas informações como: características da residência, identificação de cada pessoa, escolaridade, situação de trabalho e renda, entre outras.

A partir de 2003, o CadÚnico se tornou o principal instrumento para a seleção e a inclusão de famílias de baixa renda em programas federais, sendo usado obrigatoriamente para a concessão dos benefícios do Programa Bolsa Família, da Tarifa Social de Energia Elétrica, do Programa Minha Casa Minha Vida, da Bolsa Verde, entre outros. Também pode ser utilizado para a seleção de beneficiários de programas ofertados pelos governos estaduais e municipais. Por isso, ele é funciona como uma porta de entrada para as famílias acessarem diversas políticas públicas.

A execução do CadÚnico é de responsabilidade compartilhada entre o Governo Federal, os Estados, os Municípios e o Distrito Federal.

DestaqueNotícias

Comentários estão desabilitados.

FECHAR ACESSIBIILIDADE
%d blogueiros gostam disto: