ENTREVISTA | Eduardo Pimenta – Coordenador de Meio Ambiente da Prefeitura de Cabo Frio

“Todos nós precisamos nos comprometer a causar cada vez menos danos ao meio ambiente”


A Prefeitura de Cabo Frio preparou uma extensa programação para comemorar a Semana Mundial de Meio Ambiente. De quarta a domingo diversas atividades estão programadas. O coordenador de Meio Ambiente, biólogo Eduardo Pimenta, disse que promover a qualidade de vida é uma das premissas da Coordenadoria de Meio Ambiente da cidade de Cabo Frio. De acordo com ele, não basta só o poder público fazer a sua parte. “Todos nós precisamos nos comprometer a causar cada vez menos danos ao meio ambiente”, pontuou Pimenta.


SAIBA MAIS

Cabo Frio celebra a Semana do Meio Ambiente de 6 a 10 de junho

Projetos e parcerias para preservar o Meio Ambiente em Cabo Frio

Charitas inaugura estátua do poeta Antenor Cardoso da Fonseca


Quais são os principais pontos de proteção ambiental da cidade?

Diversas áreas são consideradas pontos de proteção, a Praia do Forte, Praia do Peró, as praias do Pontal, Florestinha e Unamar no segundo distrito, a vegetação fixadora de dunas, as dunas, o manguezal do porto do carro mais conhecido como Dormitório das Garças, o rio São João em Tamoios, etc.


Como a população atua na preservação do Meio Ambiente?

É uma conta que todos têm que pagar, não basta só o poder público fazer a sua parte se as pessoas não se comprometerem também. a população tem que procurar comprar produtos de origem certificadas, embalagens sustentáveis e recicláveis, na sua atividade individual causar menos danos ao meio ambiente.


Quais são os projetos que a Coordenadoria desenvolveu nesses últimos meses?

Muitas coisas estão acontecendo, fizemos plantio de mudas e sementes, implantamos a feira orgânica e de artesanato no Horto Municipal, reestruturamos toda a pasta, começamos o plano de ordenamento do Parque Municipal da Boca da Barra, recolhemos 500,68 toneladas de pneus para reciclagem, conseguimos a certificação do Projeto Bandeira Azul na Praia do Peró, recuperamos o manguezal do Porto do Carro que encontramos abandonado. Além dessas ações, fizemos parceria com a Comsercaf para coleta reciclável de lixo, coleta de lixo em águas marinhas através de um barco que recolhe todo entorno do canal do Itajurú, Ilha do Japonês e Praia do Forte.


Quais são os projetos para o futuro da Coordenadoria?

Começamos a idealizar um projeto de construção da sede da coordenadoria que sempre atuou em casa alugada e agora queremos algo próprio e totalmente sustentável. Com a reativação e recuperação do Conselho Municipal do Meio Ambiente poderemos fazer muito mais no futuro para aumentar além do que já conseguimos o icms verde. Além disso, queremos dar continuidade aos trabalhos que já estamos desenvolvendo. Queremos também fortalecer as parcerias com o Turismo para trilhas guiadas, com a Comsercaf nos trabalhos de coleta e com a Educação criando cada vez mais placas socioeducativas nas áreas de proteção ambiental e programas de educação ambiental para turistas sobre usos e restrições nas áreas de preservação.


A reciclagem de pneus, feita em parceria com a Comsercaf, tem surtido efeito?

Esse projeto é muito bacana, já recolhemos 970 toneladas de pneus até o mês de maio, os objetos ficam em um galpão fechado para não acumular água e não atrair vetores. Depois disso fazemos contato com as empresas pneumáticas que levam para reciclagem.


O Horto Municipal que estava abandonado e fechado, foi revitalizado e reaberto. Foi uma das principais ações da coordenadoria?

A recuperação do horto foi umas das principais ações que fizemos, recebemos aproximadamente mil mudas por mês e fazemos distribuição delas em alguns bairros. Na quarta-feira (6), iremos plantar um bosque de mil mudas de Aroeira no Parque Municipal da Boca da Barra em comemoração a Semana Nacional do Meio Ambiente.


Qual o papel das campanhas de Educação Ambiental?

Temos a responsabilidade de trabalhar com campanhas de educação ambiental, acredito que a forma correta é agir no presente para colher um futuro melhor, a ideia nossa é que a gente garanta a identidade do patrimônio natural que é a mola propulsora do desenvolvimento e geração de trabalho emprego e renda para região. Adotamos uma estratégia de trabalhar em crianças para que elas construam um futuro melhor e possa atingir os pais também.


Confira a programação da Semana do Meio Ambiente


06/06 – Quarta-feira

9h – Horto Municipal

Mostra ambiental (Projeto Albatroz, Coleta Seletiva da Comsercaf, Prolaguito, boneco da Prolagos para interação com crianças, além de laboratório móvel da Prolagos);


9h – Horto Municipal (manhã e tarde)

Em paralelo serão realizadas as Eco-oficinas sustentáveis com a participação dos alunos da Escola Municipal Luis Lindenberg. Também haverá um piquenique ecológico.


9h – Ilha do Japonês

Participação dos alunos da rede municipal em ação sustentável de recuperação ambiental, com plantio de um bosque de aroeira do antigo estacionamento da Ilha do Japonês. Na sequência, caminhada ecológica até o Farol da Laginha, no Parque Municipal da Boca da Barra, com observação de pássaros.


07/06 – Quinta-feira

9h – Horto Municipal

Mostra ambiental (Projeto Albatroz, Coleta Seletiva da Comsercaf, Prolaguito, boneco da Prolagos para interação com crianças, além de laboratório móvel da Prolagos)


9h – Horto Municipal (manhã e tarde)

Em paralelo estarão sendo realizadas as Eco-oficinas sustentáveis, com a participação dos alunos da Escola Municipal Luis Lindenberg. Também haverá um piquenique ecológico.


08/06 – Sexta-feira

9h – Horto Municipal

Lançamento da pedra fundamental para a construção da sede da Secretaria de Meio Ambiente no Horto Municipal.


9h às 17h – Horto Municipal

Eco-oficinas e piquenique ecológico com alunos da Escola Municipal Domingos Gouvêa.


9h às 17h – Horto Municipal

Exposição de Orquídeas do Orquidário Imperial e plantio nas árvores do horto.


09/06 – Sábado

9h – Horto Municipal

Ecofeira Artesanal Artes e Sabores (feira de artesanato com gastronomia, música ao vivo e moda)

9h às 17h – Horto Municipal

Exposição de Orquídeas do Orquidário Imperial e plantio nas árvores do horto.


10/06 – Domingo

9h às 15h – Horto Municipal

Exposição de Orquídeas do Orquidário Imperial e plantio nas árvores do horto.


9h às 17h – Horto Municipal

Em paralelo acontece a Ecofeira de Artesanato Arte Lagos, com culinária, moda e música ao vivo.

Destaque

Comentários estão desabilitados.

FECHAR ACESSIBIILIDADE
%d blogueiros gostam disto: