Ação da Postura e da Ordem Pública leva mais oito pessoas para delegacia

11/02/2018

Agentes da Superintendência de Posturas e da Coordenadoria de Ordem Pública de Cabo Frio levaram mais oito pessoas para a delegacia neste domingo (11). Além de sete flanelinhas, um menor também foi detido por depredar o letreiro “Eu Amo Cabo Frio”, localizado na Praça da Cidadania, próximo à Praia do Forte.


SAIBA MAIS

Ordem Pública encaminha mais 10 pra delegacia por flanelagem neste sábado

Treze blocos vão esquentar a segunda-feira (12) em Cabo Frio

Pagamento de 50% do 13º salário nesta quinta (15)

 

Em ocorrência registrada na 126ª Delegacia de Cabo Frio às 5h54 da manhã, agentes da Superintendência de Posturas, ligada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento da Cidade, relataram que às 5h20 deste domingo um menor se aproximou do letreiro como se fosse tirar fotos, mas começou a empurrá-lo propositalmente, quebrando a letra C da palavra Cabo Frio, “resultando em dano ao Patrimônio Público”.

 

Segundo os agentes, o menor chegou a ser repreendido, mas ignorou as recomendações e fugiu ao notar que havia quebrado o letreiro. Alcançado, foi encaminhado à delegacia, onde foi autuado por dano ao patrimônio público (artigo 163 do Código Penal).

 

Segundo o secretário de Desenvolvimento da Cidade, Claudio Bastos, não haverá trégua contra vândalos. “Nossa equipe está preparada e a ordem é coibir qualquer tipo de vandalismo. Vamos continuar atuando contra a depredação do Patrimônio Público, e quem for flagrado será levado à delegacia para responder na Justiça. Também estamos trabalhando contra som alto: já recolhemos mais de 25 caixas de som desde o começo do carnaval. E na Praia do Forte continuamos a fiscalização com relação aos ambulantes ilegais, mas tratando todos com respeito e dignidade”, explicou Bastos.

 

Assim como a Superintendência de Posturas, agentes da Ordem Pública, ligada à Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Cabo Frio, em parceria com a Polícia Militar e policiais da 126° Delegacia de Polícia Civil, continuam os trabalhos da Operação Carnaval, de combate à prática ilegal de flanelagem. Na manhã deste domingo (4) mais sete pessoas foram levadas para a delegacia e autuadas em flagrante por exercício ilegal da profissão. Esta foi a quarta operação deste sexta-feira (9), quando oficialmente começou o carnaval de Cabo Frio. A prática de flanelagem é proibida por lei (artigo 47 do Decreto Lei 3.688). Até agora já são 41 pessoas detidas nesta operação, que vai continuar durante todo o Carnaval.