Cabo Frio recebe Ecopontos de recolhimento de óleo

Por em 07/08/2017
A Prefeitura de Cabo Frio deu início a um projeto importante na preservação do meio ambiente: o de recolhimento de óleo de cozinha. A Coordenadoria de Meio Ambiente vai distribuir cinco Ecopontos pela cidade para recolhimento do óleo de cozinha usado. Os locais que receberão esses pontos de coleta ainda estão sendo definidos.

Cada Ecoponto terá um latão, que terá capacidade para receber até 100 litros de óleo, que será depositado em garrafas pet. O recolhimento é revertido em Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, o ICMS Verde, para o município, o que aumenta as receitas e consequentemente os investimentos no setor do meio ambiente.

O ICMS Verde é uma verba estadual, que é oferecida para os municípios que desenvolvem ações socioambientais voltadas para a preservação do meio ambiente. Esse recurso é enviado diretamente para o Fundo do Conselho Municipal do Meio Ambiente, o que garante um reforço nos investimentos no setor.

De acordo com o coordenador de Saneamento Básico e Qualidade de Vida da Coordenadoria de Meio Ambiente, Luiz Teixeira, o recolhimento do óleo vegetal é fundamental para a preservação do meio ambiente. “O óleo descartado irregularmente afeta gravemente todo o ecossistema. Caso ele seja despejado no esgoto residencial, pode causar entupimento da tubulação e gerar grandes transtornos. Caso seja despejado em rios, lagos ou no mar, pode afetar diretamente a fauna e a flora marinhas”, conta ele.

Todo o processo de coleta, recolhimento e armazenamento do óleo vegetal será realizado por uma empresa licenciada, que vai destinar de maneira correta o óleo, para que não agrida o meio ambiente.