Portal da Prefeitura de Cabo Frio

Carnaval Solidário pretende arrecadar mais de uma tonelada de alimentos

Por em 17/02/2017
Promover alegria com solidariedade. Esse é o objetivo do Projeto ‘Carnaval Solidário’, apoiado Secretaria de Cultura. O evento consiste na montagem de duas tendas na Praça da Cidadania, na Orla da Praia do Forte, onde acontecerão bailes infantis e da terceira idade com arrecadação de alimentos não perecíveis e material de higiene pessoal. O local também será ponto de informações e de encontro de alguns blocos, por isso será chamado de ‘Estação Central do Carnaval’.  A programação cultural é intensa e acontece todos os dias a partir das 16h. 

A estrutura contará com duas tendas, uma 10x10 e outra 3x3 e banheiros químicos. O acesso ao evento é livre, mas para garantir uma camisa personalizada, os foliões precisam levar 3kg de alimento não perecível ou algum tipo de material de higiene para fazer a troca. A quantidade de camisa é limitada, serão apenas 300 unidades. A troca poderá ser feita em uma das tendas, no dia do evento.

No ano passado, a organização conseguiu superar a meta de arrecadação de alimentos. A estimativa era de uma tonelada e foi doada uma tonelada e meia. Para este ano, a expectativa é que ultrapasse esse número. Todo material arrecadado será distribuído para as instituições carentes da cidade.

A novidade deste ano é que as instituições que desejam receber os alimentos doados para o evento podem enviar um e-mail paracarnavalsolidariocabofrio@gmail.com e se  cadastrar. A organização vai entrar em contato com as entidades inscritas para ver a real necessidade de cada uma delas, e após o evento, todo material arrecadado será separado e entregue.

O projeto existe há mais de uma década. São exatos 15 anos espalhando alegria e ajudando famílias. Aproximadamente, dez pessoas estão envolvidas na organização do evento, que tem patrocínio de empresários da cidade. “Este ano, os empresários de Cabo Frio abraçaram o Projeto ‘Carnaval Solidário’. Conseguimos muitos parceiros para que o evento aconteça. Acreditamos na solidariedade independente de crédulo, cor ou posição social. Vamos levar alegria para famílias e ajudar quem precisa”, disse o presidente do projeto, Rick Costa.

Na 'Estação Central do Carnaval’ estarão funcionários da Prefeitura de prontidão para tirar as dúvidas dos moradores e turistas sobre locais e horários de concentração dos blocos.Também terá um mapa da cidade com a marcação dos blocos para ajudar na localização.

Carnaval 2017

Por causa da grave situação econômica da cidade, a Prefeitura não irá pagar subvenção de Carnaval para blocos de arrastão e escolas de samba do município. Mesmo assim, os blocos receberão apoio logístico para que possam fazer a festa nas ruas da cidade. 

Esse ano, eles ficarão no esquema "concentra, mas não sai" e, com isso, não poderão circular pelas ruas, ficando parados em seus locais de origem. Serão 28 blocos na cidade, sendo 24 nas ruas e 4 em um clube.

Inscreva-se em nossa Newsletter: