Portal da Prefeitura de Cabo Frio

Edição especial do Santo Samba leva Noel para o Boulevard Canal

Por em 06/07/2017
Uma edição especial da mais tradicional roda de samba de Cabo Frio, o Santo Samba, vai levar para o Boulevard Canal, um dos maiores compositores da Música Popular Brasileira, o “poeta da Vila”, Noel Rosa, autor de clássicos como “Último Desejo”, “Pierrot Apaixonado”, “Palpite Infeliz”, “Fita Amarela”, “Três Apitos”, “Conversa de Botequim”, entre inúmeros clássicos da MPB.

A edição especial do Santo Samba acontece no próximo sábado (8), a partir das 18h e terá a participação do sambista J.P. Silva. O evento é o primeiro realizado pelos empresários do Boulevard que estão se reunindo para revitalizar o point gastronômico em parceria com a Prefeitura, através da Secretaria de Turismo e da Coordenadoria de Eventos.

Os músicos cabo-frienses Normando (violão), Jessé (trombone), Lucas (pandeiro), Gui (surdo),  Renan (tantan) e Lorival (cavaco) garantem a animação da roda e acompanham o sambista e instrumentista J.P. Silva. O cantor revela que aprendeu a gostar e cantar samba vendo roda de samba com outros sambistas e escutando discos de Cartola, Nelson Cavaquinho e Noel Rosa.

"O primeiro disco que escutei de samba foi do João Nogueira, voz potente e cheia de sentimento, lembra  J.P. Silva, que cantou em diversas casas de shows do Rio de Janeiro como a Lona Cultural Jorge Ben Jor, Teatro Rival e Carioca da Gema e se transformou no pupilo de Elza Soares, que ele considera uma “diva”. A madrinha artística de JP Silva, divide com ele uma faixa em “O Tempo e a Lição”, primeiro CD de J.P. 

Os dois cantam “Garupa da Saudade”, composição inédita de Alceu Maia e Sarah Benchimol, numa gravação cheia de brincadeiras entre os intérpretes e os famosos esquetes de Elza Soares.  O CD é um pouco da história do jovem cantor, que tem uma relação muito próxima com a Lapa, local onde viveu e onde canta há quase 10 anos. JP é hoje parte da nova geração de talentos do grande reduto do samba.
 
Não é a primeira vez que J.P. Silva se apresenta no Santo Samba, mas ele está voltando à roda por ter sido apontado, numa enquete realizada pela produção do evento, como um dos nomes preferidos do público.