Portal da Prefeitura de Cabo Frio

Procon alerta para variação de preços de material escolar em Cabo Frio

Por em 20/01/2017
O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) realizou uma pesquisa comparativa de preços de material escolar nas principais papelarias de Cabo Frio. Durante o levantamento, os fiscais do órgão perceberam uma grande diferença de valores para produtos similares. Com variação de marcas, produtos similares chegam a custar até dez vezes mais na comparação entre os estabelecimentos.

A pesquisa foi feita na segunda semana de trabalho da nova gestão. O órgão orienta os consumidores a comparar preços para economizar. Dez estabelecimentos foram visitados e a diferença de preço foi analisada pela equipe do Procon. 

Uma tinta guache, por exemplo, custa R$ 0,60 em uma papelaria e, em outra, custa R$5,50, cerca de dez vezes mais. O caderno de desenho grande sem arame varia de R$ 2,80 a R$7,90, quase o triplo do valor.

A forma de pagamento também é diferente de um estabelecimento para o outro. Quem preferir comprar à vista ou em cartões de débito recebe desconto de 5% a 10% em algumas papelarias. Uma economia para o bolso, principalmente no caso de quem tem mais de um filho. Em geral as compras também podem ser parceladas, com divisão de três a seis vezes no cartão de crédito.

Segundo o coordenador do Procon, Thiago Vasconcelos, levantamentos como esse incentivam o consumidor a pesquisar mais e pagar o preço justo pelo itens da lista de material escolar.“ Essas informações são de grande valia para o consumidor na hora de economizar, afinal, nesses momentos de crise, qualquer desconto já ajuda muito”, disse o coordenador.

Ainda de acordo com o coordenador, nos próximos dias será disponibilizada uma cópia da pesquisa à Secretaria de Educação para que seja afixada nos murais das escolas com os valores dos materiais.

O Procon funciona de segunda a sexta-feira, de 9h às 17h, na Rua Florisbela Rosa da Penha, 292, no bairro Braga.

Inscreva-se em nossa Newsletter: