Projeto Futuro Guardião conclui primeiro módulo para a formação de jovens

Por em 29/05/2017
O Futuro Guardião, promovido pela Associação dos Veteranos Militares com apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, concluiu o primeiro módulo na formação de jovens patrulheiros. O objetivo é que de jovens de entre 8 e 17 anos sejam preparados para entrar na carreira militar.

Em 6 meses do curso eles tiveram o aprendizado básico. O curso oferece noções de primeiros socorros, de prevenção e combate a incêndios, de sobrevivência e resgate na selva e de preservação ambiental, além de práticas desportivas e auxílio na instrução escolar em geral.

O grupo tem cerca de 70 inscritos e se reúne na Colégio Estadual Miguel Couto, aos sábados, a partir das 8h. Neste último sábado (27), além da instrução do Programa de Prevenção às Drogas, eles receberam os certificados de conclusão desta etapa do curso.

Gustavo Lopes da Silva, conselheiro em dependência química que atua no projeto SOS Vida, vem ministrando aulas com vídeos e apostila sobre o assunto. Os patrulheiros também são orientados pela assistente social Edmilce Conceição, que atua na área de saúde mental no SOS Vida.

"Os jovens aprendem a disciplina por orientação dos instrutores e monitores, e à medida que progridem, passam a comandar pequenas equipes, manejar projetos, pensar de forma independente e desenvolver habilidades de liderança que usarão ao longo de suas trajetórias na vida adulta", explica Alexandre Vieira, idealizador do projeto Futuro Guardião e presidente da Associação dos Veteranos Militares.