Postura cria número de WhatsApp para receber denúncias

A Coordenadoria de Posturas de Cabo Frio acaba de criar um canal para receber denúncias sobre qualquer tipo de irregularidade nas ruas e nas praias do município. Pelo número de WhatsApp (22) 98835-4140, o cidadão pode fazer reclamações a respeito de situações que vão da ação de vendedores ambulantes ilegais à colocação de objetos que obstruem calçadas ou vias públicas. A identidade do denunciante será mantida em sigilo.


A implantação do canal de denúncia é uma ação complementar à fiscalização que está sendo feita nas praias e em outros locais públicos desde o primeiro dia de governo do prefeito Dr. Adriano Moreno. Um dos focos principais do trabalho tem sido garantir o cumprimento do decreto nº 5.779, de 30 de janeiro deste ano, que proíbe o uso de botijões de gás e de materiais inflamáveis nas barraquinhas dos ambulantes. De acordo com o secretário de Desenvolvimento da Cidade, Felipe Araújo, a criação do serviço faz parte de uma mudança de filosofia de trabalho, implantada desde o começo da atual gestão.


“Esse é um trabalho muito importante porque é uma forma de humanizar o atendimento, que é o que nos propomos a fazer desde o nosso primeiro dia. Queremos nos aproximar da população”, disse o secretário.


A nova forma de denúncia faz parte do contexto da campanha “É fácil ser legal…ambulante também é fiscal”, recentemente lançada pela Coordenadoria. O objetivo é incentivar os profissionais que trabalham dentro da legalidade a apontar quem insiste em atuar de maneira clandestina. O coordenador de Posturas Alexandre Lopes ressalta que denunciar é uma questão de segurança coletiva.


“As irregularidades no comércio ambulante podem causar acidentes. A população precisa ser parceira da Coordenadoria de Posturas de Cabo Frio. Esse canal tem a finalidade de apurar informações fundamentais”, comentou o coordenador.


Apesar da nova plataforma, as denúncias ainda podem ser encaminhadas pessoalmente, na sede da Coordenadoria, que fica na Rua Gustavo Beranger, 267, no bairro Vila Nova.


DestaqueNotícias

Comentários estão desabilitados.

FECHAR ACESSIBIILIDADE
%d blogueiros gostam disto: