Categorias
Agricultura e Pesca Canil Municipal Destaque Notícias

Animais adotados no Canil de Cabo Frio levam amor e alegria para novas famílias

Prefeitura de Cabo Frio reforça campanha de adoção animal; desde janeiro, 18 cães e 10 gatos ganharam novos tutores

Quando a Mel, uma cadelinha de três meses, toda branca e preta, que vivia no Canil Municipal de Cabo Frio, ganhou uma nova família, ela não passou apenas a viver em um ambiente seguro e rodeada de amor e carinho. Ela também levou vida nova e alegria para um lar que ainda sofria com a perda de um cãozinho de estimação, o Log, aos 14 anos de idade. Para a nova ‘mãe da Mel’, Priscila Assunção, o marido dela, Rodrigo, e a filha do casal, Ester, de 10 anos, moradores de Unamar, a adoção significou um novo começo em família.

“Não pensei duas vezes quando soube desta possibilidade oferecida pelo Canil. Estamos muito felizes com a adoção. O processo foi o mais tranquilo e feliz possível. O atendimento foi maravilhoso, e o carinho com que a equipe nos tratou foi essencial para sairmos com nossa Mel”, diz Priscila, que ficou sabendo há algumas semanas da possibilidade de adoção no Canil Municipal por uma amiga, que viu a divulgação nas redes sociais da Prefeitura de Cabo Frio.

Além da Mel, outra cadela, a Pantera, também se despediu dos companheiros do canil recentemente ao ser adotada por Suzana Domiciana, moradora de Unamar. Suzana conta que o marido, Cláudio, e o filho, Davi, são apaixonados por animais e já estavam pensando em adotar um cão, quando souberam, por meio de um parente, que o Canil Municipal de Cabo Frio estava aberto para adoção.

“Assim que chegamos, fomos recebidos de forma acolhedora por toda a equipe. Levamos os documentos necessários e hoje nossa família está completa com a chegada da Pantera. Meu filho ficou muito emocionado quando nossa pretinha chegou em casa. O processo de adoção é bem simples. Indico que todos façam uma visita no local”, conta Suzana.

Com o objetivo de dar um novo lar para cães e gatos abandonados, a Prefeitura de Cabo Frio está reforçando a campanha de adoção animal promovida pelo Canil Municipal da Fazenda Campos Novos, em Tamoios. Desde janeiro, 18 cães e 10 gatos ganharam novos tutores. E a cada dia chegam novos animais. Ao todo, cerca de 200 estão disponíveis para adoção no local.

Tudo o que cães e gatos merecem é um lar amoroso. E nada mais comovente do que histórias de adoção com um final feliz. Se, por um lado, os humanos abrem as portas de suas casas, e alguns até cedem um espaço em suas camas, por outro, eles também recebem muito em troca.

Desde que o atual governo assumiu, em janeiro deste ano, o local ganhou atenção e os animais passaram a receber um tratamento especial antes de serem disponibilizados para a adoção.

Assim que são resgatados, eles passam pela avaliação de veterinário para identificação de alguma doença infecciosa. Também são vermifugados. Os bichinhos ficam separados durante um tempo para se acostumarem ao ambiente e depois se juntam aos demais, para que se entendam uns com os outros. As cenas de abandono registradas em governos anteriores agora dão lugar à alegria.

“As pessoas estão vindo no canil para adotar, e isso é muito importante para ajudar a reduzir o número de cães e gatos abandonados. Os animais de rua já passaram por muito sofrimento e tudo o que precisam é de um lar para serem felizes de verdade. Não há recompensa maior do que vê-los alegres e saudáveis depois de receberem uma boa dose de cuidado e carinho. Ainda tem muito animal aqui precisando de um lar. Então, não compre, adote”, convoca Maria do Carmo Dutra, a Carminha, superintendente municipal de Defesa dos Animais.

Quem tiver interesse em adotar cães e gatos pode procurar o Canil Municipal da Fazenda Campos Novos, em Tamoios. São machos e fêmeas, adultos e filhotes. O canil funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. Para adotar é preciso ter mais de 18 anos e assinar um termo de responsabilidade, além de apresentar um comprovante de residência, documento com foto e telefone de contato.

Após a adoção, os administradores do canil mantêm contato permanente para acompanhar as condições do animal em seu novo lar. As adoções também podem ser realizadas durante a Feira do Produtor Rural, que acontece duas vezes por mês no Parque de Exposições da Fazenda Campos Novos. A próxima será realizada no dia 30 deste mês de maio. A Fazenda fica na Rodovia Amaral Peixoto (RJ 106), Km 124, em Tamoios.

Categorias
Boletim COVID-19 Covid-19 Saúde

Boletim COVID-19 [27/05/21]

BOLETIM CORONAVÍRUS – atualizado em 27/05/2021 – 10:42

A Prefeitura de Cabo Frio divulga, nesta quinta-feira (27), os dados da Covid-19 no município, que está na Zona Laranja de contaminação. 

Seguem os dados de hoje:
 

  • Confirmados: 10.835 (10.734 até o dia anterior)
  • Descartados: 10.554 (10.428 até o dia anterior)
  • Recuperados: 9.493 (9.434 até o dia anterior)
  • Óbitos de períodos anteriores confirmados hoje: 0
  • Óbitos até hoje: 571
  • Óbitos em investigação: 40 (dia anterior 31)

Ocupação de leitos para Covid-19 no município:

(Público + Privado)
UPG+UTI: 39/49 = 80% (82% até o dia anterior)
Enfermaria: 14/39 = 36% (46% até o dia anterior)

Público
UPG: 13/21 = 62% (57% até o dia anterior)
Enfermaria: 7/22 = 32% (41% até o dia anterior)

Privado
UTI: 26/28 = 93% (100% até o dia anterior)
Enfermaria: 07/17 = 41% (53% até o dia anterior)

O governo municipal informa que os dados epidemiológicos estão sujeitos a revisão, e disponibiliza seção exclusiva com o conteúdo oficial referente a boletins, notícias, comunicados, notas e informativos sobre a situação do coronavírus no município por meio do link www.saude.cabofrio.rj.gov.br.

Categorias
Destaque Educação Fazenda Notícias

Prefeitura de Cabo Frio antecipa pagamento de maio da Educação

Ao todo, 3.425 servidores tiveram o adiantamento creditado em conta nesta quinta (27)

Os servidores da Secretaria de Educação de Cabo Frio receberam, nesta quinta-feira (27), de forma antecipada, o salário do mês de maio. Ao todo 3.425 profissionais foram beneficiados com a antecipação. Os pagamentos somam um total de R$ 10.821.435,55.

Este é o quinto mês consecutivo que os funcionários públicos da Educação têm seus proventos creditados antes do vencimento que, por lei, é no quinto dia útil do mês seguinte ao trabalhado.

Além da Educação, aposentados e pensionistas do Instituto de Benefícios e Assistência aos Servidores de Cabo Frio (Ibascaf) também já receberam o salário de maio de forma antecipada, nesta terça-feira (25).

Em caso de não recebimento ou divergência em algum valor creditado, o servidor deverá procurar o setor de RH da Secretaria de Educação.

Categorias
Destaque Igualdade Racial Jornada de Integração Cabo Frio - África Notícias

Prefeitura de Cabo Frio promove painel on-line sobre Dia da África

Programação faz parte da Jornada de Integração Cabo Frio – África

Em celebração ao Dia da África, comemorado nessa terça-feira (25), a Prefeitura de Cabo Frio promoveu o painel virtual “Africanidades”. O evento on-line faz parte da Jornada da Integração Cabo Frio – África, que marca a relação entre o município e os países de Angola e Cabo Verde, proporcionando trocas culturais e imersão no universo de cada localidade. A programação segue até o dia 17 de julho.

O evento contou com a participação do cônsul-geral honorário de Cabo Verde, Pedro Antônio Santos, do cônsul de Angola, Mateus de Sá Miranda, do ex-ministro-chefe da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e ex-presidente da Fundação Palmares, Eloi Ferreira de Araújo, da representante da Coordenadoria Geral de Promoção da Igualdade Racial, Carolina Conceição e da professora de História da África, do Programa de Pós-graduação em História Social (PPGHIS) e do curso de História do Instituto de História da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IH-UFRJ), Mônica Lima.

“É com muita satisfação que a gente celebra o Dia da África com essa mesa de trabalho que relembra nossa africanidade. Destaco e saúdo o prefeito José Bonifácio pelo desprendimento e compreensão em pautar, na sua gestão, o tema racial no Brasil. Atualmente, os afrodescendentes são mais de 56% da população brasileira, mas ainda somos um país que precisa se reencontrar com a África. No momento em que o governo de Cabo Frio faz essa ligação com Angola e Cabo Verde ele aproxima e traz história, costumes e cultura”, destacou Eloi Ferreira de Araújo.

Durante o encontro virtual foram debatidos temas como racismo, preconceito, políticas cotistas, programas de educação, desafios vividos pela população negra, independência dos países, entre outras temáticas sociais, culturais e educacionais.

O cônsul-geral honorário de Cabo Verde, Pedro Antônio Santos, destacou a relação entre os países e definiu a jornada de integração como histórica.

“Esse momento é emblemático, e participar dessa construção da relação entre Angola, Cabo Verde e Cabo Frio me enche de orgulho. Parabenizo a Prefeitura pela preocupação em buscar essa aproximação de forma especial com o Brasil”, disse.

Ressaltando os desafios para a população negra, o cônsul de Angola falou sobre a participação na sociedade.

“É revigorante ver, de forma tão apaixonada, pessoas que abraçam a causa africana. Temos muitos desafios, mas eles estão aí para serem superados. Vemos a inserção na sociedade, mas em muitos locais ela não consegue ser realizada. É preciso que haja essa colocação negra em todos os locais”, contou.

Professora de História da África, Mônica Lima falou sobre a reparação histórica e destacou a contribuição africana para a população brasileira.

“A aplicação da Lei que torna o ensino afro-brasileiro nas escolas é uma das formas de reparação e ressignificação, mas precisamos ir além. Trazer uma mesa de discussão de africanidades é bastante significativo. Estamos tratando de direitos, direito à história e à memória. Devemos muito à África: ensinos de agricultura em terras tropicais, atividades minerais, tecnologia e inúmeros aportes que não podemos nem contar. Quando negros e negras foram forçadamente trazidos para o Brasil, trouxeram consigo conhecimento e ancestralidades”, finalizou.

Categorias
Destaque Notícias PROCON

Procon e ANP fiscalizam postos de combustíveis em Cabo Frio

Ação conjunta apura irregularidades e testa qualidade dos produtos nos estabelecimentos

O Procon de Cabo Frio e a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) realizam, a partir desta quarta-feira (26), uma operação conjunta de fiscalização técnica em quatro postos de combustíveis da cidade escolhidos pela própria ANP. Um dos objetivos é averiguar se os estabelecimentos seguem as normas de qualidade e quantidade dos combustíveis vendidos nos locais.

Serão verificadas as bombas de gasolina comum, aditivada, etanol e diesel além das bombas de GNV, atestando assim, a qualidade do combustível através do aspecto, cor, massa específica, teor alcoólico e teor de etanol da gasolina.

Também serão verificados os volumes dispensados pelos bicos de abastecimento com a utilização de medida padrão de 20 litros devidamente calibrada e lacrada pelo Inmetro, constatação de material/instrumentos obrigatórios consoante à resolução ANP N°9/2007, vistoria dos preços dos combustíveis e apresentação ao consumidor.

A ação conjunta ainda vai averiguar situações burocráticas como CNPJ, autorização da ANP para exercício da atividade, inscrição estadual, alvará de funcionamento e outros documentos exigidos pela Prefeitura, além de certificado do Corpo de Bombeiros.

“O Procon de Cabo Frio vem apurando várias irregularidades para que o cidadão cabo-friense tenha cada vez mais o seu direito como consumidor preservado”, afirmou a secretária-adjunta de Defesa do Consumidor, Cláudia Tavares.

Para executar a operação, uma equipe da ANP esteve no auditório da Prefeitura de Cabo Frio na última terça-feira (25) realizando um treinamento com os agentes do Procon da cidade.

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) é, de acordo com a Lei Nº 9.478/1999, o órgão responsável por fazer a fiscalização de postos de combustíveis. Quem desconfiar da qualidade do produto ou verificar qualquer ação errada nos postos, pode denunciar pelo número 0800 970 0267, de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h.

Categorias
Fiscalização de Posturas Guarda Civil Municipal Meio Ambiente Obras Ronda Ostensiva Municipal Secretaria de Direitos Humanos e Segurança

Justiça Federal determina demolição de mais um quiosque na Praia das Conchas, em Cabo Frio

Todas as 11 construções que ainda estão em atividade também são contestadas em processos movidos pela União

A Justiça Federal determinou a demolição de mais um quiosque na Praia das Conchas, em Cabo Frio. No caso do quiosque identificado pelo número 10, o proprietário perdeu um processo de iniciativa da União, que solicitou na Justiça a derrubada da estrutura.

A ação aconteceu na manhã desta quarta-feira (26). A Prefeitura de Cabo Frio foi convocada para auxiliar a Justiça Federal na demolição.

O processo da União contra os quiosques tem mais de 20 anos, e pede a retirada de todas as construções da orla da Praia das Conchas. Individualmente, todos os proprietários recorreram da decisão judicial, porém cinco deles perderam em última instância, como é o caso de três construções que foram derrubadas no ano passado, de outra que foi retirada em março deste ano, e desta última.

Os outros 11 quiosques que permanecem em atividade ainda estão em discussão judicial. De acordo com o coordenador geral de Posturas e Licenciamento, Paulo César Pereira Alves, a Prefeitura está apenas cumprindo mais uma decisão judicial.

“Infelizmente esses quiosques estão ocupando da área da União. Então o procedimento é sempre o mesmo: a Prefeitura recebe uma ordem judicial solicitando a demolição, aí emitimos um comunicado aos proprietários dando um prazo para a retirada dos pertences. Não é algo que gostaríamos de fazer porque a gente sente pelos trabalhadores, mas a lei tem de ser cumprida”, afirmou o coordenador.

Além de ser proibido construir em Áreas de Proteção Permanente (APP), os quiosques construídos na Praia das Conchas, segundo a decisão da Justiça, também interferem ambiental e paisagisticamente, servindo como agentes degradantes do meio ambiente.

A operação conjunta contou com a participação de agentes da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, Guarda Municipal, Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), Comsercaf e da Polícia Militar.

Categorias
Boletim COVID-19 Covid-19 Saúde

Boletim COVID-19 [26/05/2021]

BOLETIM CORONAVÍRUS – atualizado em 26/05/2021 – 10:42

A Prefeitura de Cabo Frio divulga, nesta quarta-feira (26), os dados da Covid-19 no município, que está na Zona Laranja de contaminação. 

Observação: nesta lista estão sendo informadas as datas em que ocorreram os óbitos confirmados no boletim de hoje, que estavam em investigação. A confirmação da morte por Covid-19 no boletim só ocorre após a devida investigação da causa do falecimento.

Seguem os dados de hoje:
 

  • Confirmados: 10.734 (10.715 até o dia anterior)
  • Descartados: 10.428 (10.386 até o dia anterior)
  • Recuperados: 9.434 (9.420 até o dia anterior)
  • Óbitos de períodos anteriores confirmados hoje: 2
  • Óbitos até hoje: 571
  • Óbitos em investigação: 31 (dia anterior 32)

Datas dos óbitos de períodos anteriores contabilizados no Boletim desta quarta-feira (26/05/2021):

24/05/2021 – Hospital Otime Cardoso dos Santos / Cabo Frio
22/05/2021 – UPA do Parque Burle / Cabo Frio

  • Ocupação de leitos para Covid-19 no município:

(Público + Privado)
UPG+UTI: 40/49 = 82% (75% até o dia anterior)
Enfermaria: 18/39 = 46% (23% até o dia anterior)

Público
UPG: 12/21 = 57% (50% até o dia anterior)
Enfermaria: 9/22 = 41% (14% até o dia anterior)

Privado
UTI: 28/28 = 100% (93% até o dia anterior)
Enfermaria: 09/17 = 53% (35% até o dia anterior)

O governo municipal informa que os dados epidemiológicos estão sujeitos a revisão, e disponibiliza seção exclusiva com o conteúdo oficial referente a boletins, notícias, comunicados, notas e informativos sobre a situação do coronavírus no município por meio do link www.saude.cabofrio.rj.gov.br.

Categorias
Destaque Educação Notícias

Professores da rede pública de Cabo Frio já podem se inscrever no “Concurso Cultural de Práticas Inovadoras na Educação”

A ação do Instituto CCR acontece em parceria com a Secretaria de Educação através do programa Caminhos para Cidadania

Professores da rede municipal de ensino de Cabo Frio vão participar do “Concurso Cultural de Práticas Inovadoras na Educação”. Lançado pelo Instituto CCR, a ação faz parte do programa “Caminhos para a Cidadania”, realizado pela CCR Via Lagos em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Cabo Frio.

O concurso terá duas categorias: “Fomento ao protagonismo do aluno” e “Desenvolvimento de competências socioemocionais”. É possível inscrever até dois cases por categoria, gratuitamente. A ação é focada no Ensino Fundamental I. Os desafios propostos estão respaldados pela BNCC.

“Nosso objetivo é identificar, valorizar e divulgar experiências educativas transformadoras. O ‘Caminhos para a Cidadania’ quer apoiar, e também descobrir e incentivar, novas alternativas para a realidade complexa do ensino no Brasil”, destaca Ariane Teles, responsável pelo programa, coordenado pelo Instituto CCR.

A ação premiará educadores que dão aulas no Ensino Fundamental I, com um troféu e um notebook, além das escolas onde os professores vencedores atuam. Outros detalhes de inscrição estão disponíveis no site www.caminhosparaacidadania.com.br, onde os participantes também podem conferir uma FAQ com “Perguntas e Respostas” sobre a iniciativa. O anúncio dos vencedores será no segundo semestre deste ano.

O programa “Caminhos para a Cidadania” promove a formação continuada do professor do 1º ao 5º ano por meio de cursos on-line, materiais digitais e estratégias pedagógicas pautadas na BNCC (Base Nacional Comum Curricular), que abordam temas como cidadania, diversidade, educação financeira, segurança no trânsito, preservação do meio ambiente e saúde mental, promovendo qualificação de educadores para melhorar a qualidade do ensino. No site, professores e alunos encontram sugestões de atividades, livros, filmes, séries, jogos, lições de autoconhecimento, entre outros recursos.

Categorias
Boletim COVID-19 Covid-19 Saúde

Boletim COVID-19 [25/05/2021]

BOLETIM CORONAVÍRUS – atualizado em 25/05/2021 – 11:46

A Prefeitura de Cabo Frio divulga, nesta terça-feira (25), os dados da Covid-19 no município, que está na Zona Laranja de contaminação. 

Observação: nesta lista estão sendo informadas as datas em que ocorreram os óbitos confirmados no boletim de hoje, que estavam em investigação. A confirmação da morte por Covid-19 no boletim só ocorre após a devida investigação da causa do falecimento.

Seguem os dados de hoje:
 

  • Confirmados: 10.715 (10.698 até o dia anterior)
  • Descartados: 10.386 (10.359 até o dia anterior)
  • Recuperados: 9.420 (9.410 até o dia anterior)
  • Óbitos de períodos anteriores confirmados hoje: 4
  • Óbitos até hoje: 569
  • Óbitos em investigação: 32 (dia anterior 31)

Datas dos óbitos de períodos anteriores contabilizados no Boletim desta terça-feira (25/05/2021):

23/05/2021 – Clinerp / Cabo Frio
17/05/2021 – Hospital Otime Cardoso dos Santos / Cabo Frio
22/04/2021 – Hospital São José Operário / Cabo Frio
17/04/2021 – Hospital Otime Cardoso dos Santos / Cabo Frio

  • Ocupação de leitos para Covid-19 no município:

(Público + Privado)
UPG+UTI: 36/48 = 75% (77% até o dia anterior)
Enfermaria: 9/39 = 23% (21% até o dia anterior)

Público
UPG: 10/20 = 50% (55% até o dia anterior)
Enfermaria: 3/22 = 14% (9% até o dia anterior)

Privado
UTI: 26/28 = 93% (93% até o dia anterior)
Enfermaria: 06/17 = 35% (35% até o dia anterior)

O governo municipal informa que os dados epidemiológicos estão sujeitos a revisão, e disponibiliza seção exclusiva com o conteúdo oficial referente a boletins, notícias, comunicados, notas e informativos sobre a situação do coronavírus no município por meio do link www.saude.cabofrio.rj.gov.br.

Categorias
Destaque IBASCAF Notícias

Aposentados e pensionistas de Cabo Frio recebem salário de maio

Pagamento foi feito de forma antecipada nesta terça-feira (25) para 1.715 beneficiários

Aposentados e pensionistas do Instituto de Benefícios e Assistência aos Servidores de Cabo Frio (Ibascaf) recebem, nesta terça-feira (25), de forma antecipada, o pagamento referente ao mês de maio. O valor será depositado para 1.715 beneficiários, totalizando R$ 6.069.979,63.

Desde o início do governo do prefeito José Bonifácio, o pagamento da folha do Ibascaf tem sido feito de forma antecipada, ainda dentro do mês vigente.

De acordo com o estatuto do servidor de Cabo Frio, o pagamento do salário para trabalhadores da ativa e aposentados deve ser efetuado até o quinto dia útil do mês subsequente ao vencido.

“Seguimos com o compromisso de pagar os beneficiários do instituto de forma antecipada e, para isso, nossa equipe e o prefeito José Bonifácio têm empenhado todos os esforços necessários”, afirmou Carlos Alberto Cardozo, presidente do Ibascaf.

Cardozo esclarece, também, que o Instituto, em conjunto com as entidades sindicais e outros setores do Governo Municipal de Cabo Frio, trabalha para viabilizar a reabertura do Programa de Assistência Médica aos Servidores Municipais (Pasmesd), suspenso desde março de 2020.

Em relação ao acerto do salário de dezembro, deixado em aberto pelo governo anterior, Cardozo afirma que a equipe atua para efetuar o pagamento o quanto antes.

Ele lembrou ainda que, com 35 dias do novo governo, foi quitada uma dívida histórica com aposentados e pensionistas referente à parte que faltava do 13º salário de 2016 para 1.140 beneficiários, totalizando R$ 1.029.586,67.

Além disso, no início de fevereiro, o município também quitou a parcela que faltava do 13º salário de 2020 para 1.612 beneficiários do Ibascaf, em um total de R$ 1.496.553,83.

Categorias
Destaque Governo Igualdade Racial Notícias

Cabo Frio institui comissão permanente para inclusão do ensino afro-brasileiro nas escolas

Grupo tem objetivo de acompanhar a implementação dos temas em escolas públicas e privadas

O prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio, oficializou nesta segunda-feira (24) a criação da Comissão Permanente de Ressignificação da Lei Federal Nº 10.639/03, que determina o estudo da história e da cultura afro-brasileiras por meio de conteúdos pedagógicos aplicados em diversas disciplinas.

Em encontro realizado no Hotel Malibu, o prefeito cabo-friense, o cônsul de Angola, Mateus de Sá Miranda, e o cônsul-geral honorário de Cabo Verde, Pedro Antônio dos Santos, firmaram ainda uma carta de intenção de parceria para intercâmbio cultural e educacional entre o município e os países africanos. A cerimônia contou também com a presença do ex-ministro-chefe da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Eloi Ferreira Araújo e da vice-cônsul de Angola, Iolanda Grilo.

A tratativa faz parte da programação da Jornada de Integração Cabo Frio – África, oficialmente aberta nesta segunda (24) com solenidade de hasteamento das bandeiras em frente à sede do Poder Executivo cabo-friense. O evento acontece até o dia 17 de julho com atividades voltadas para a cultura, história e promoção da igualdade racial, em homenagem aos dois países africanos.

Em cumprimento à Lei Federal de 2003, a comissão permanente vai acompanhar os trabalhos de implementação dos conteúdos afro-brasileiros e africanos no currículo escolar de unidades públicas e privadas de Cabo Frio.

O grupo é formado por representantes das secretarias de Educação, de Cultura, da Coordenadoria de Igualdade Racial, Chefia de Gabinete, do Conselho Municipal de Educação, Conselho Municipal de Cultura, do Sindicato dos Professores, do Sindicato dos Professores da Região dos Lagos (Sinpro) e representante estudantil do Instituto Federal Fluminense – Cabo Frio.

Ressaltando a importância ancestral e cultural, o prefeito José Bonifácio destacou a relevância dos conteúdos africanos nas atividades das escolas.

“Vamos trabalhar com essa comissão permanente para introduzir essa temática no currículo escolar. Pretendemos ter esse trabalho já realizado até o fim deste ano letivo. É necessário que nossas crianças e adolescentes saibam a história que ocorreu ao longo dos anos na relação Brasil e África e a influência que isso teve. É de fundamental importância aproximar Cabo Frio dos países de Angola e Cabo Verde, trazendo os valores desses locais e de tantos outros de Língua Portuguesa”, celebrou.

O cônsul de Cabo Verde aproveitou a ocasião para reforçar a satisfação e felicidade de estar envolvido nesse contexto.

“Cabo Verde, por muitos anos, não era reconhecido como um país. Mas ver esse reconhecimento atual nos dá muita felicidade. Nosso país tem uma taxa de 100% de crianças nas escolas. Não somos um país de bens naturais, mas um lugar onde a educação não pode faltar nunca. Essa carta de intenção junto a Cabo Frio e ao prefeito José Bonifácio é uma alegria para todos”, afirmou Pedro Antônio Santos.

Destacando a riqueza educacional e a inclusão da cultura como ferramenta de transformação, o secretário de Educação, Flávio Guimarães comemorou o estreitamento de laços entre os países. Segundo ele, esse avanço significa, de alguma forma, retomar a travessia do Atlântico, agora com cultura e educação.

Aline Conceição, coordenadora de ensino de História e Cultura Afro-brasileira e Indígena e representante da comissão permanente, destacou que um dos objetivos dessa inclusão é fazer com que crianças e adolescentes pretos se sintam à vontade e representados no âmbito escolar.

Já o coordenador de Igualdade Racial, Manoel Justino, lembrou que a partir de agora é preciso fortalecer a discussão e inclusão das matérias nas escolas e salas de aula, e ter junto aos professores essa formação continuada.

Categorias
Covid-19 Destaque Notícias Saúde vacinação Covid-19

Gestantes e puérperas com comorbidades serão vacinadas por meio de agendamento em Cabo Frio

Ministério da Saúde determina que este grupo prioritário seja imunizado de acordo com a prescrição médica, após avaliação individual

A partir desta semana, gestantes e puérperas com até 45 dias após o parto passam a ser vacinadas contra a Covid-19 por agendamento em Cabo Frio. O agendamento e a imunização ocorrem nas unidades de saúde específicas para a campanha contra o coronavírus. 

Para o agendamento é preciso informar nome, e-mail e duas opções de número de telefone para contato. A marcação deve ser feita nas Unidade de Básica de Saúde (UBS) ou Estratégia Saúde da Família (ESF) do bairro mais próximo da residência nas terças e quartas-feiras, de 9h às 16h, e quintas-feiras, de 9h às 12h.

A vacinação deste grupo será de forma gradativa. A equipe de imunização da Secretaria Municipal de Saúde vai entrar em contato com cada pessoa agendada para informar hora e local. A estratégia é marcar o número de pessoas de acordo com a abertura de cada frasco, que possui tempo de utilização determinado após a abertura.

A medida segue a orientação do Ministério da Saúde e da sexta edição do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19. A recomendação para prosseguir com a imunização das gestantes e puérperas (até 45 dias) com comorbidades foi embasada no cenário epidemiológico nacional, considerando o risco aumentado para desenvolvimento de formas graves da doença e complicações obstétricas.

A nota técnica esclareceu que foi notificado apenas um caso de evento adverso em relação à vacina AstraZeneca/Oxford/Fiocruz em gestante, e ainda não foi avaliada completamente a segurança do imunizante para este grupo, especificamente. Entretanto, estudos realizados até o momento não demonstraram risco aumentado de complicações.

Considerando a necessidade de mais dados de segurança da vacina AstraZeneca/Oxford/Fiocruz para gestantes e puérperas, o documento conclui que neste momento está suspenso o uso do imunizante do laboratório para este grupo, que segue recebendo as demais vacinas que não contenham o vetor viral: a CoronaVac/Butantan ou Pfizer/BioNTech. Ainda assim, segundo o Ministério da Saúde, é necessária a prescrição médica após avaliação individualizada de risco e benefício.

As gestantes e puérperas que já tenham recebido a primeira dose da AstraZeneca deverão aguardar o término do período de gestação e puerpério para receber a segunda dose da vacina. Membros do grupo de trabalhadoras de saúde podem se vacinar após avaliação individual de risco e benefício para receber a segunda dose antes da conclusão da gestação ou puerpério.

UNIDADES DE SAÚDE COM AGENDAMENTO DA VACINAÇÃO PARA GESTANTES E PUÉRPERAS

1º Distrito
ESF Jardim Náutilus – Rua: Guiana s/n
ESF Guarani – Rua Duarte da Costa, nº 37
ESF Jardim Caiçara – Rua Inglaterra nº 478
ESF Praia do Siqueira/Palmeiras – Travessa Amapá s/nº
ESF Vila Nova – Rua José Paes de Abreu n° 510
ESF Jacaré – Rua Samuel Bessa s/nº
ESF Peró – Rua Olivia Lopes s/nº
ESF Monte Alegre – Rua Drº Cardoso da Fonseca s/nº
ESF Vila do Ar – Rua Ernesto de Melo n°1393
ESF Jardim Peró – Rua Paraná n° 51
ESF Tangará – Rua Castro Alves s/nº

2º Distrito

PAM de Santo Antônio – Avenida Beira Mar, s/n
ESF Maria Joaquina – Rua da Harmonia s/nº
ESF São Jacinto – Estrada de São Jacinto s/n°
ESF Nova Califórnia – Rua das Pacas Qd B Lt38
ESF Botafogo – estrada de Botafogo S/N
ESF Angelim – estrada do Angelim S/N
ESF Araçá – estrada da Agrisa S/N

Categorias
Cultura Destaque Governo Igualdade Racial Notícias

Cerimônia solene marca a abertura da Jornada de Integração Cabo Frio – África

Programação reúne cultura, história e promoção da igualdade racial

Foi oficialmente aberta, nesta segunda-feira (24), a Jornada de Integração Cabo Frio – África. Realizada pela Prefeitura, a programação contou com a presença do prefeito José Bonifácio, do cônsul de Angola, Mateus de Sá Miranda, e do cônsul-geral honorário de Cabo Verde, Pedro Antônio dos Santos. O evento acontece até o dia 17 de julho com atividades voltadas para a cultura, história e promoção da igualdade racial, em homenagem aos dois países africanos.

Abrindo a programação, o prefeito José Bonifácio e os cônsules de Angola e de Cabo Verde hastearam as bandeiras do Brasil e dos dois países africanos na Praça Tiradentes, em frente à sede do Poder Executivo cabo-friense.

Anfitrião do evento, o prefeito de Cabo Frio destacou a importância histórica do continente africano e relembrou o início das tratativas para estreitar os laços junto aos países irmãos.

“É com orgulho e muita emoção que abro a Jornada de Integração Cabo Frio – África. Nossa cidade se sente orgulhosa em realizar um encontro de aproximação entre os países de Angola e Cabo Verde. Estamos iniciando nossos trabalhos destacando a importância de conhecermos e divulgarmos a história. A dívida do nosso país com a população negra, que foi retirada do seu território, é imensa. Com este evento, estamos iniciando a construção do resgate cultural, educacional e histórico em Cabo Frio. Temos um governo que conta com quase 40% de negros no primeiro escalão, mas a responsabilidade de mudar o cenário de oportunidades é de cada um de nós. Essa é uma luta para recolocar na história aqueles que realmente construíram esse país”, disse o prefeito.

O cônsul angolano agradeceu as palavras, e lembrou que, quando recebeu a delegação do prefeito José Bonifácio, em janeiro deste ano, ficou registrado o início de uma relação e uma cooperação que vai, efetivamente, fortalecer não apenas a relação que já existe entre Brasil e Angola, mas sobretudo no campo cultural e educacional.

“É na cultura que a gente se reconhece. E os afrodescendentes têm dificuldade de encontrar suas raízes. São raros os exemplos daqueles que se preocupam com esse resgate. Estamos aqui e abraçamos essa jornada. Agora vamos partir juntos nessa busca histórica, entre Cabo Frio, Angola e Cabo Verde”, disse o cônsul angolano, Mateus Sá Miranda.

Reforçando a receptividade cabo-friense, o cônsul cabo-verdiano, Pedro Antônio Santos, celebrou o momento.

“Agradeço ao prefeito José Bonifácio pela preocupação e dedicação com nossa africanidade. Essa é uma das experiências mais lindas que já vivi aqui no Brasil, com autoridades que se interessam pela África de maneira geral. Como cabo-verdiano, isso é muito especial. Antigamente, quando encontrávamos pessoas de outros países, elas não sabiam onde era Cabo Verde, ou identificavam como sendo parte de Angola. Hoje existe esse reconhecimento. Fico muito grato de estar participando desse momento histórico”, finalizou Pedro Antônio.

A jornada continua nesta terça-feira (25) com a mesa de trabalho “Africanidades”, às 14h30, com transmissão ao vivo na página da Prefeitura de Cabo Frio no Facebook (https://www.facebook.com/PrefeituradeCaboFrio).