Categorias
Destaque Meio Ambiente

Praia do Peró volta a ostentar selo de qualidade internacional

A Bandeira Azul voltou a ser hasteada na manhã desta quarta-feira (17) na Praia do Peró.  O símbolo da certificação internacional de qualidade e acessibilidade havia sido retirado pela coordenação local apenas por precaução diante do aparecimento de manchas do óleo que vazaram de uma fissura no Campo de Marlim Leste, na Bacia de Campos.

Foram dois arriamentos preventivos.  O primeiro no dia 5 de março e o segundo no dia 13 do mesmo mês, e desde então, a Bandeira Azul não foi mais hasteada por precaução, até que a limpeza das manchas de óleo fosse completa.

Desde o primeiro aparecimento das manchas de óleo, equipes da Comsercaf, da Coordenadoria de Meio Ambiente e da Guarda Marítima e Ambiental juntaram-se aos agentes da Petrobras, do ICMBio e do Inea, que foram acionados para realizar a contenção do óleo no mar e realizar a limpeza das areias.

O vazamento atingiu praias de Cabo Frio, Arraial do Cabo e Búzios e mobilizou cerca de 60 pessoas que atuaram nas atividades de limpeza nas praias, além de cinco embarcações para vistoria.

A estatal assumiu a autoria afirmando que os resíduos são de atividades da empresa, mas não deu detalhes do acidente. No entanto, o INEA confirmou que a Petrobras identificou que o óleo teve origem na área de exploração Marlim Leste. Depois da apuração final do caso, caberá ao IBAMA aplicar ou não multas à Petrobras.

Equipamentos e capacitação

Ficou acordado entre a Petrobras e as cidades atingidas a doação de equipamento de contenção e limpeza de óleo e a capacitação de agentes municipais para ações de pronta-resposta a vazamentos semelhantes ao ocorrido.  A doação será apenas parte da indenização que cada município vai receber, e foi chancelada pelo Ministério Público Federal, após reunião na última sexta-feira (12)

“Felizmente as correntes marítima ajudaram cabo Frio que, mesmo estando entre Búzios e Arraial do Cabo, as cidades mais atingidas, recebeu uma quantidade menor de óleo nas praias.  A certificação da Praia do Peró no Programa Bandeira Azul jamais esteve ameaçada. Mesmo assim, nossa coordenação tomou todas as medidas necessárias por precaução, e teve todo o apoio da Coordenação Nacional.  Agora vamos aproveitar da melhor forma possível a capacitação e os equipamentos que nos serão entregues e formar uma brigada contra esse tipo de acidente. A Praia do Peró, finalmente, está pronta para receber os cabo-frienses e os turistas de todo o Brasil, com a certeza de qualidade na água, na areia e na acessibilidade”, afirmou o coordenador de Meio Ambiente da Secretaria de Desenvolvimento, Mario Flavio Moreira.

 

Categorias
Destaque Meio Ambiente

Equipes da Petrobras fazem a limpeza das areias da Praia do Peró

Equipes da Petrobras e de firmas terceirizadas da estatal atuam na limpeza da Praia do Peró na manhã desta segunda-feira (15), depois que surgiram manchas de óleo no local no último fim de semana. A areia da praia está sendo peneirada, mas como as partículas de óleo são pequenas, o serviço é demorado e não tem prazo para ser concluído.

Desde o último sábado (13), não foi registrado o surgimento de novas manchas de óleo. Mas apesar disso, enquanto o trabalho de limpeza permanecer, a Bandeira Azul permanece arriada por medida de precaução, por decisão da coordenação local do programa de certificação internacional.

Durante o fim de semana, o serviço de limpeza contou com a participação de funcionários da Companhia de Serviços de Cabo Frio (Comsercaf) e teve o acompanhamento de técnicos do Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

A Coordenadoria de Meio Ambiente da Secretaria de Desenvolvimento da Cidade acionou imediatamente a equipe de apoio da Petrobras para a realização da limpeza a partir do momento em que foi percebida a presença de “pelotas” de óleo na areia.

“É preciso peneirar a praia inteira. Não é de difícil resolução, mas que demora pelo fato de ter que tirar todos os resquícios. As equipes vão estar lá diariamente e só vão deixar o local quando a limpeza estiver concluída”, informou o coordenador do Bandeira Azul em Cabo Frio, Carlos Magno da Silva Maiques.

Categorias
Desenvolvimento da Cidade Destaque Meio Ambiente Notícias

Prefeitura aciona equipes da Petrobras e do Inea após aparecimento de óleo na Praia do Peró

Equipes da Petrobras e do Inea que estão na região por conta do aparecimento de manchas de óleo no mar e nas areias das praias de Cabo Frio, Búzios e Arraial do Cabo, foram acionadas na manhã deste sábado (13) pela Coordenadoria de Meio Ambiente da secretaria de Desenvolvimento, após a constatação do aparecimento de “pelotas” na Praia do Peró, inclusive na parte certificada pelo Programa Bandeira Azul.

Como a quantidade de manchas na areia era significativa, a coordenação do Bandeira Azul Praia do Peró achou por bem arriar a bandeira, até que a situação se normalize.

Agentes da Comsercaf também entraram em ação, auxiliando na limpeza, uma vez que o óleo continuou chegando à areia, impulsionado pela maré.

O incidente não impediu que turistas e moradores frequentassem normalmente a praia e não teve reflexos para quiosqueiros ou ambulantes.

“É óbvio que ficamos tristes e apreensivos com o incidente, mas o aparecimento de mais manchas nas praias já era esperado, uma vez que a Petrobras ainda não havia anunciado a contenção total do vazamento. Por mais que o óleo, no estado físico em que se encontra, não cause nenhum dano imediato, população deve evitar o contato e, caso o piche grude na pele, ele sai facilmente com óleo vegetal. Quanto aos danos ambientais, já firmamos acordo com a Petrobras para capacitação dos nossos agentes e a doação de equipamentos para que possamos nos adiantar e iniciarmos uma ação imediata em caso de novas manchas. É uma pena que nossa praia certificada esteja enfrentando esse problema, mas é um incidente que não foi causado por nós e o que podemos fazer é agir com prontidão, como fizemos hoje, para evitar danos maiores”, afirmou Mario Flavio Moreira, coordenador de Meio Ambiente da Secretaria de Desenvolvimento.

Categorias
Destaque Governo Meio Ambiente Notícias

Nota Oficial

A Prefeitura de Cabo Frio informa que, assim que foi percebida a presença de novas “pelotas” de óleo na areia, a equipe de apoio da Petrobras que se encontra na região foi acionada pela Coordenadoria de Meio Ambiente e já está no local realizando a limpeza, juntamente com servidores da Comsercaf. A Bandeira Azul foi retirada, até que tanto a areia quanto a água retomem as características de qualidade que conferiram à Praia do Peró a certificação internacional. Caso a limpeza termine antes do fim do dia, hoje mesmo a Bandeira Azul votará a ser hasteada.

Categorias
Destaque Meio Ambiente

Prefeitura coíbe vandalismo, orienta turistas e faz adequações na Praia do Peró

A Coordenadoria do Meio Ambiente vem travando uma batalha diária contra os atos de vandalismo que vêm sendo praticados na Orla da Praia do Peró, no trecho certificado pelo selo Bandeira Azul.  Apesar da presença constante da Guarda Municipal, de agentes da coordenadoria de Posturas, Comsercaf e da Guarda Marítima e Ambiental, várias ações já foram realizadas para reparar danos causados por vândalos, que agem durante a noite, arrebentando a corrente e danificando os “gelos baianos” (blocos de concreto) colocados para impedir o trânsito de carros de passeio na antiga Avenida dos Namorados.

Na madrugada deste domingo, mais um bloco foi totalmente destruído obrigando a reposição, feita prontamente pela manhã.

“Praticamente todos os dias temos que fazer reparos ou trocar equipamentos totalmente destruídos. Temos ciência de que há pessoas com interesses pessoais contrários à certificação, que promovem essas ações de vandalismo. Já estamos providenciando a instalação de câmeras para a identificação e responsabilização desses vândalos”, informou o coordenador de Meio Ambiente, Mario Flavio Moreira.

A certificação exige que alguns critérios sejam rigorosamente cumpridos, como a proibição de cães na areia e a prática de esportes como futebol e frescobol em horários específicos.  A Guarda Marítima e Ambiental passou por capacitação específica, e vem orientando, diariamente, turistas e frequentadores sobre esse ordenamento e vem tendo uma excelente receptividade, sem nenhum registro de ocorrência de desrespeito ou desacato.

Algumas adequações têm sido feitas para facilitar o acesso de cadeirantes, como o distanciamento dos gelos baianos para a passagem de cadeiras de rodas com bitolas maiores e a presença de agentes municipais com as chaves do cadeado da corrente, para permitir o acesso de ambulância e carros de serviços.  A Polícia Militar também modificou a estrutura de policiamento para o bairro, inclusive com a utilização de um quadriciclo para diminuir o tempo de resposta às solicitações.

Além dos danos físicos à estrutura que permitiu a certificação no selo Bandeira Azul, há uma onda de boatos e “fake news” nas redes sociais, associando a certificação a uma tentativa de “elitizar” a Praia do Peró e tentando jogar a população contra as ações desenvolvidas pela prefeitura, sempre por meio de perfis falsos, que estão sendo monitorados pela coordenação do Programa Bandeira Azul.

“Essas pessoas que se utilizam desse artifício covarde que são as ‘fake news’, acham que seguirão acobertadas pelo anonimato das redes sociais, mas já estamos identificando algumas delas e tomaremos as providências jurídicas cabíveis.  Vale lembrar que a luta pela certificação da Praia do Peró com o selo Bandeira Azul, nasceu de uma iniciativa dos próprios moradores do bairro e temos neles agentes incansáveis pela manutenção da certificação. Inclusive, são os moradores, bem intencionados, que têm nos mantido informados sobre o vandalismo e os ataques contra a estrutura, e continuamos contando com eles para nos ajudar a acabar com esse desserviço ao meio ambiente e ao turismo da nossa cidade”, completou Mario Flavio Moreira.

Quem presenciar atos de vandalismo ou situações de anormalidade na Praia do Peró, pode entrar em contato pelo e-mail cogemacabofrio@gmail.com ou deixar mensagem na página da Coordenadoria de Meio Ambiente no Facebook – www.facebook.com/cogemacabofrio.

Categorias
Destaque Meio Ambiente Notícias

Prefeitura faz primeira inspeção para adequação da orla do Peró ao Bandeira Azul

A Praia do Peró, em Cabo Frio, acaba de passar pela primeira inspeção para adequação da orla aos critérios obrigatórios do programa Bandeira Azul. O trabalho foi realizado pelo coordenador do Bandeira Azul Praia do Peró, Magno Maiques, e pela arquiteta e urbanista Anne Kellen Apicelo, do setor de projetos da Prefeitura. A vistoria teve como objetivo levantar as necessidades ainda pendentes com relação às adequações físicas do espaço para que a bandeira seja hasteada ainda nesta temporada de verão, impulsionando a praia como destino turístico e ecológico internacional.

 

As principais preocupações são a mobilidade e o acesso à praia, uma vez que a rua da orla será interditada, transformada em calçadão, liberando o acesso apenas de pedestres. O trânsito nas vias de acesso à praia também deverão passar por alterações para gerar maior fluidez, evitando congestionamentos e prejuízo aos moradores do bairro.

 

“A primeira ação será criar a acessibilidade necessária. Nossa equipe vai, agora, se dedicar em iniciar essas adequações de mobilidade para, em seguida, passarmos à parte física. Temos o muro de contenção bastante danificado, e o quadro de energia dos quiosques que precisa de uma intervenção urgente, mas acredito, com toda a tranquilidade, que a Praia do Peró estará pronta para receber a Bandeira Azul em 1º de dezembro”, explicou Anne Kellen Apicelo.

 

Para o coordenador do programa Bandeira Azul Praia do Peró, os quiosques também merecem uma atenção especial. “Vamos olhar com bastante cuidado para a questão do esgotamento sanitário, que é critério eliminatório: já foi provado que a rede que atende à praia não está suportando o fluxo recebido. Os concessionários de quiosques também serão chamados para que haja uma padronização e se estabeleça um número limite de mesas e cadeiras na areia, além, é claro, da disponibilização de banheiros e chuveiros adaptados. É um grande trabalho, mas já avançamos muito e acredito que tudo vai ocorrer da melhor forma possível”, acrescentou Magno Maiques. A Praia do Peró já recebeu a autorização para ostentar a Bandeira Azul no verão 2018/2019, mas terá que realizar essas adequações para que a bandeira continue durante o ano inteiro e a certificação oficial se concretize.