Categorias
COMSERCAF Destaque

Prefeitura realiza mutirão de iluminação pública em Cabo Frio

Cerca de 90 luminárias serão substituídas

Nesta quarta-feira (16), a Prefeitura inicia um mutirão de iluminação pública em Cabo Frio. Cerca de 90 luminárias em 30 postes serão substituídas. A ação visa efetuar a troca de equipamentos avariados e melhorar a qualidade de vida dos moradores.

O trabalho teve início na orla da Praia do Forte, onde serão trocadas aproximadamente 40 luminárias, do tipo pétalas. Também serão contempladas as avenidas Assunção e do Contorno. Já na orla da Praia de Tamoios, a Comsercaf dá continuidade à obra de iluminação pública, com a instalação de 180 novos postes.

“A ação faz parte do plano de ações para a alta temporada. Há pelo menos 10 anos que estas luminárias estavam operando, já demonstrando claros sinais de desgaste e representando risco de queda. Fazer essa manutenção é uma forma de prover cidadania e segurança, melhorando a iluminação das vias e logradouros, consequentemente permitindo que os moradores e visitantes desfrutem plenamente do espaço público em qualquer período do dia”, fala Dario Guagliardi, presidente da Comsercaf.

Categorias
Cultura Destaque Notícias

Secretaria de Cultura promove Estágio em Iluminação Cênica

A Oficena (oficina de interpretação promovida pela secretaria de Cultura), inicia nesta quarta-feira (22), um Programa de Estágio em Iluminação Cênica para os alunos do curso de teatro. O objetivo é fazer com que os participantes percebam que há outros ofícios além da atuação. O projeto vai até dezembro, onde os próprios integrantes farão a iluminação do espetáculo de fim de ano.

As aulas serão ministradas por Bruno Peixoto, ator e membro do Corpo Gestor do Teatro Municipal Inah Azevedo Mureb, toda quarta-feira em dois horários, às 16h e às 20h. A princípio, oito alunos vão participar das aulas. “A seleção foi democrática, os próprios atores votaram. O número de participantes precisa ser reduzido para garantirmos a segurança e qualidade do ensino” – explica Bruno.

O Curso de Interpretação acontece desde a fundação do Teatro Municipal, em 1997, sendo batizado de Oficena – Curso Livre de Teatro. Desde então, mais de 600 alunos passaram pelas aulas de arte dramática. “Contamos com duas turmas, uma Infanto-Juvenil no período da tarde, e outra de Adultos, no turno da noite. Ao todo, temos 80 alunos cadastrados e uma fila de espera aguardando vagas para 2019” – explica o ator e professor, Jiddu Saldanha.

A Oficena tem como orientação pedagógica desenvolver autonomia e pertencimento com a cidade e cultura local. O curso trabalha e fomenta a criação autoral dos alunos, que podem mostrar suas criações durante os eventos promovidos pelo própria oficina. O curso conta com três professores: Jiddu Saldanha, Nathally Amariá Andrade e Fábio de Freitas.