Categorias
COMSERCAF Destaque

Prefeitura inicia mutirão de limpeza na Ilha do Japonês

A Prefeitura de Cabo Frio, por meio da Comsercaf, deu início nesta quarta-feira (30), a um mutirão de limpeza na Ilha do Japonês. A ação segue até sexta-feira (1), e tem como objetivo efetuar a retirada de microlixo descartado na vegetação. A expectativa é que sejam coletados aproximadamente meia tonelada de lixo por dia.

Cerca de 15 funcionários farão o trabalho com o auxílio de ancinhos e duas embarcações. A previsão inicial era efetuar a ação em um único dia, mas devido a grande quantidade de resíduos encontrados no interior da mata, será necessário estender a programação.

“Infelizmente nem todos os frequentadores trazem sacolas plásticas para recolher o resíduo e acabam espalhando lixo pelo local. Também identificamos a necessidade de instalação de novas lixeiras e contêineres e vamos providenciar a colocação para a próxima semana. Estamos em um cenário paradisíaco e que precisa ser preservado”, explica Dario Guagliardi, presidente da autarquia.

Em meio à ação, foi encontrado na ilha um pássaro muito debilitado, da espécie gaivotão. O animal será encaminhado para Guarda Marítima e Ambiental.

“Essa é uma cena comum na nossa região e reforça a importância de fazermos o descarte correto dos resíduos. Possivelmente ele está com o trato digestivo entupido por ingerir plástico, confundindo com alimento”, explica Eduardo Pimenta, coordenador de Meio Ambiente da companhia.

A Comsercaf realiza a coleta diária dos resíduos do local e lixo flutuante. Em média, nos fins de semana e feriados, são retirados cerca de 300 quilos de lixo por dia. Entre os itens mais encontrados estão: latinhas, garrafas pet, garrafas de água, copos plásticos, lacres de bebida, recipientes de quentinha, canudos, entre outros.

Categorias
Destaque Fiscalização de Posturas Ordem Pública

Guarda Marítima faz operação na Boca da Barra

A Guarda Marítima, que é ligada à Coordenadoria de Ordem Pública, realiza neste sábado (17) uma operação na Boca da Barra para coibir a travessia irregular de passageiros até a Ilha do Japonês. Três embarcações foram apreendidas pelos agentes por fazer o transporte ilegal.

A ação também teve a participação de fiscais da Coordenadoria de Posturas e de agentes da Ronda Ostensiva Municipal da Guarda Civil de Cabo Frio (ROMU). O comércio ambulante irregular também foi coibido.

De acordo com o coordenador geral de Ordem Pública, Fábio Carvalho, o trabalho representa o esforço do poder público municipal de estar presente em todos os lugares de maior movimento de banhistas durante a alta temporada.

“Tudo isso ocorre graças ao esforço das Prefeitura em aumentar o efetivo da guarda municipal principalmente no verão. Estamos fazendo um esforço hercúleo para captar recursos humanos para atender a população de Cabo Frio”, comentou.