Cabo Frio recebe grupo de chineses para discutir turismo e investimentos

O prefeito de Cabo Frio, Marquinho Mendes, e o vice-secretário-geral e diretor do Gabinete Geral do Comitê Permanente da Assembléia do Povo do município de Huzhou, na China, Zhang Guoqiang, assinaram na noite desta quinta-feira (3) um protocolo tornando as duas cidades amigas. Cabo Frio foi o único município do interior do estado do Rio de Janeiro na rota da missão chinesa, que cumpre agenda de apenas oito dias na América Latina passando por Cabo Frio, Foz do Iguaçu, São Paulo e Argentina. Turismo e investimentos na área da fabricação de tubos de alumínio para o setor de petróleo são os principais assuntos na pauta da visita.


SAIBA MAIS:

O grupo, liderado por Zhang Guoqiang, e que inclui o vice-diretor-geral da Comissão Econômica e de Informatização de Huzhou, Zhou Young; o subsecretário da Receita, Quan Huifeng e o vice-diretor do Gabinete de Assuntos Exteriores e de Assuntos Chineses Ultramarinos, Shen Lie, se impressionou com as belezas e o potencial de desenvolvimento de Cabo Frio em vários setores.


A missão foi recebida pelo prefeito Marquinho Mendes, pela secretária de Turismo, Fabíola Bleicker, pelo presidente da Câmara de Vereadores, Aquiles Barreto e por secretários do governo e empresários da cidade, entre eles, o diretor-presidente da Prolagos, Carlos Roma, a gerente regional do Sebrae, Ana Cláudia Melo Vieira, o diretor administrativo da Auto Viação Salineira, Gerson Geraldo, o representante do Conselho Consultivo do Aeroporto Internacional de Cabo Frio, Eduardo Valle, o presidente da Acia, Eduardo Rosa e o diretor da InterTV, Marcelo Rodrigues. Os chineses deixaram o protocolo de lado após a troca de presentes e não resistiram à apresentação de um grupo de ritmistas de escola de samba. E, apesar de não arriscarem cair no samba, fizeram questão de posar para fotos com as passistas que se apresentaram na pérgula da piscina de um hotel da cidade.


O grupo se encantou, também, com a visão noturna de Cabo Frio. Eles foram levados de barco, do píer de desembarque de passageiros de transatlânticos, na Passagem, ao Clube Náutico, na Ogiva, ao som de violino, onde foram recepcionados com um jantar pelo prefeito, secretários e empresários.


Fabíola Bleicker deu as boas-vindas ao grupo e se disse honrada por receber em Cabo Frio representantes de uma das mais antigas civilizações do mundo, e lembrou que dos 130 milhões de chineses que viajam anualmente pelo planeta, pouco mais de 50 mil procuram o Brasil. A secretária conclamou os chineses a manterem com a cidade uma relação de irmandade capaz de gerar bons negócios e investimentos.


O prefeito Marquinho Mendes ressaltou, após uma apresentação que mostrou ao grupo a história e a infraestrutura da cidade, que Cabo Frio se orgulha de fortalecer, através da relação com o município chinês, os laços históricos de amizade entre o Brasil e a China. “Estamos buscando alternativas para fortalecer a economia da nossa cidade. Os chineses estão expandindo seus investimentos no Brasil e esta pode ser uma ótima oportunidade. Não tenho dúvidas de que esta parceria será muito boa. Seguimos atraindo novos parceiros, novos investimentos e mais desenvolvimento para Cabo Frio”, comentou o prefeito.


Os números da economia de Huzhou, localizado na província de Zhejiang, no litoral leste da China, são impressionantes. O PIB (Produto Interno Bruto) regional ano passado foi de US$ 40 bilhões. O investimento em ativos fixos somou US$ 28 bilhões e a arrecadação do município superou os US$ 6 bilhões. O volume total do comércio exterior somou US$ 11,39 bilhões, dos quais US$ 10,06 bilhões foram da exportação. O turismo também tem números gigantes como o “Tigre Asiático”. Huzhou recebeu ano passado mais de 100 milhões de turistas, e desses, mais de um milhão de estrangeiros.


Após convidar o prefeito e a secretária de Turismo para visitarem Huzhou, ainda este ano, para dar continuidade ao processo de cooperação, o representante do governo chinês estendeu o convite para uma visita amistosa. “Huzhou possui transportes facilitados e rápidos, pessoas talentosas, cultura rica e um ambiente ecológico bonito, além de um excelente ambiente para investimentos. Gostaria de convidar, de todo coração, a todos os velhos e novos amigos de Cabo Frio a visitarem Huzhou em qualquer tempo que lhes convier, para uma visita amistosa ou simplesmente para passear”, disse o líder da missão, Zhang Guoqiang.


E Cabo Frio já está se preparando para receber os turistas chineses com busca de parcerias para divulgação do destino e tradução, para o mandarim, do material promocional institucional, além de contato com o governo federal que, em breve, liberará para a China o visto eletrônico, facilitando a chegada de turistas estrangeiros ao Brasil, que será mais um ponto positivo para conquista destes importantes visitantes.

Últimas Notícias

Sua Denúncia foi enviada com sucesso

As informações foram  enviadas para seu e-mail.