Prefeitura de Cabo Frio vai implantar a Patrulha Maria da Penha no município

Equipamento será exclusivo para atuar nas demandas de enfrentamento à violência contra a mulher

A Prefeitura de Cabo Frio está promovendo diversas ações a fim de implantar a Patrulha Maria da Penha da Guarda Civil Municipal (PMP/GCM). A patrulha vai atuar em parceria com o Centro Especializado em Atendimento à Mulher (Ceam), se tornando mais uma estrutura na rede de proteção e enfrentamento à violência contra a mulher em Cabo Frio. A estimativa é de que o serviço seja implantado ainda este ano.

A implantação da PMP/GCM é uma iniciativa da Secretaria de Direitos Humanos e Segurança. A patrulha municipal vai atuar em parceria com o Ceam, equipamento da Superintendência dos Direitos da Mulher (Sudim), ambos vinculados à Secretaria de Assistência Social de Cabo Frio, e com a Patrulha Maria da Penha da Polícia Militar (PMP/PM).

“O serviço é muito importante porque vai ao encontro das demandas do município no que se refere ao combate à violência contra a mulher. A patrulha da PM tem uma equipe para atender aos sete municípios, então, é muita demanda. Mas a partir da implantação, Cabo Frio passa a contar com um equipamento para atender apenas ao município”, explicou o secretário de Direitos Humanos e Segurança, Ruy França.

Entre as ações que vem sendo realizadas, acontece a sensibilização e a capacitação para o efetivo que irá atuar nestas demandas. Na última semana, o auditório da Escola Municipal São Cristóvão recebeu o primeiro encontro de sensibilização com a Guarda Civil Municipal de Cabo Frio.

O objetivo é a formação do efetivo que vai atuar na Patrulha Maria da Penha. Do total de guardas presentes, 56 se inscreveram para atuar na PMP. Destes, 12 serão selecionados para integrar a patrulha.

Além do secretário Ruy França, que fez a abertura do evento, a atividade contou ainda com a presença dos superintendentes de políticas públicas LGBTI+, Pedro Rosa, e da Defesa Civil, Marcus Dothavio; e da presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB, a advogada Rafaela Faria.

O encontro também contou com a participação das PMP/GCM de sete das nove cidades da Baixada Litorânea (Macaé, Rio das Ostras, Armação dos Búzios, São Pedro da Aldeia, Iguaba Grande, Arraial do Cabo e Casimiro de Abreu), e de Maricá. Todas compartilharam suas experiências na atuação da patrulha e, ao final da atividade, os presentes puderam fazer perguntas referente à atuação da patrulha.

Últimas Notícias

NOTA EXPLICATIVA: Nesta página estão detalhados os lançamentos feitos em nome de ANDRE LUIZ NASCIMENTO VIEIRA E OUTROS, no Exercício de 2021 e MARLLON GOMES DA SILVA TEIXEIRA E OUTROS no Exercício de 2022, feitos de modo sumarizado.

Para consulta dos demais pagamentos de diárias clique aqui. Após informar o ano desejado selecione a opção DESPESAS > DIÁRIAS.

Observação: nos períodos anteriores à 2021 os pagamentos desta espécie eram realizados por meio de Processo Administrativo de adiantamento e prestação de contas por força do Decreto 3.297/2005