Procon de Cabo Frio faz pesquisa comparativa de preços entre itens da ceia de Natal

Tender, castanha do pará e nozes estão entre os mais caros

A Prefeitura de Cabo Frio, por meio do Secretaria adjunta de Defesa do Consumidor, realizou nesta quarta-feira (22), uma pesquisa comparativa de preços entre os produtos que compõem a ceia de Natal. Para isso, a equipe percorreu cinco supermercados da cidade, coletando os valores dos produtos básicos.

Os itens pesquisados foram: arroz, farofa pronta, peru, chester, tender, azeite extra virgem, leite condensado, pêssego em calda, panetone de frutas, chocottone, pão de rabanada, uva passas, nozes sem casca, castanha do pará, refrigerante de cola e guaraná.

De acordo com a pesquisa, os itens mais caros da ceia são o tender, cujo preço pode variar entre R$ 86,90 e R$ 59,98; a castanha do pará – o quilo está custando de R$ 149,90 a R$ 96,90; e as nozes, cujo valor do quilo pode variar de R$ 119,90 a R$ 99,80.

De acordo com a secretária adjunta de Defesa do Consumidor, Claudia Tavares, o objetivo da pesquisa é oferecer mecanismos que possibilitem informar os menores preços dos produtos aos consumidores, oferecendo uma referência por meio dos preços obtidos dentro da amostra pesquisada.

Cláudia alerta que o consumidor deve estar atendo aos preços, pesquisando diariamente nos supermercados.

“Com o avanço da tecnologia e a facilidade dos estabelecimentos comerciais alterarem os valores sem necessidade de etiquetar produtos apenas apontando os preços na prateleira, é muito importante que o consumidor pesquise os preços diariamente. Os preços oscilam de acordo com a oferta e procura. E se o produto estiver mais barato em um determinado estabelecimento, não deixe para adquirir amanhã pois, a promoção pode terminar. O Procon está a disposição”, reforça a secretária.

Confira a tabela de preços da pesquisa na imagem abaixo:

Últimas Notícias

Sua Denúncia foi enviada com sucesso

As informações foram  enviadas para seu e-mail.