Cabo Frio entra para o projeto “Brasil, essa é a nossa praia” do Ministério do Turismo

Município obteve a maior pontuação entre todos os que foram selecionados no país

Cabo Frio está entre os nove municípios selecionados para participar do projeto “Brasil, essa é a nossa praia!”, do Ministério do Turismo, em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). As demais cidades selecionadas são: Barra do Garças (MT), Barreirinhas (MA), Salvador (BA), Natal (RN), Cruz (CE), Vila Velha (ES), Paraty (RJ) e Osório (RS). Todos serão beneficiados com ações para implementação do Projeto Orla, do Governo Federal.

O município cabo-friense, por meio da Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer, inscreveu a Praia do Peró no edital do Ministério do Turismo e teve a maior pontuação dentre todas as cidades selecionadas no Brasil.

De acordo com a superintendente de Turismo, Luane Ferreira, o município passará por uma série de atividades até dezembro do ano que vem, que facilitarão a conquista do Projeto Orla e a elaboração do Plano de Gestão Integrada do Município, como a realização de oficinas de capacitação sobre a metodologia do Projeto Orla, a contratação de um facilitador para elaboração do Plano de Gestão Integrada e acompanhamento das oficinas, dentre outros benefícios.

“O Plano de Gestão Integrada agrega informações ambientais e patrimoniais sobre a localidade, e propõe um conjunto de ações que visam reduzir os danos ambientais e promover o desenvolvimento sustentável da região, contribuindo também para a melhoria dos serviços de infraestrutura, de educação ambiental, sinalização das praias, balneabilidade, fluxo turístico, dentre outros”, explica Luane.

Todas as atividades serão participativas, envolvendo poder público e a sociedade civil, através da criação de um Comitê Gestor da Orla no município.

“O uso das orlas para fins turísticos, a médio e longo prazos, depende da qualidade ambiental para que o turismo se desenvolva de forma responsável e contribua para melhorias sociais, econômicas e ecológicas na zona costeira. O Projeto Orla visa a capacitação dos gestores públicos, para a aplicação de diretrizes gerais de disciplinamento de uso e ocupação da costa”, finaliza Luane.

Últimas Notícias

Sua Denúncia foi enviada com sucesso

As informações foram  enviadas para seu e-mail.