Espaço Expo Lendas do Surf terá acervo catalogado


Um dos espaços turísticos e culturais mais visitados por turistas brasileiros e estrangeiros, em Cabo Frio, o Expo Lendas do Surf (“Museu do Surf”), na Praça da Cidadania, vai passar por grande trabalho de catalogação nos próximos dias. Reinaugurado em março de 2017, ele abriga cerca 370 pranchas de surf, bodyboard e longboard. Mas o acervo do curador Telmo Moraes é bem maior: no total são 829 pranchas. A exposição de pranchas do espaço Expo Lendas do Surf é considerada a maior do gênero das Américas Latina e Central e a terceira maior do mundo, e recebe uma média de 15 mil visitantes/mês.

Para facilitar o acesso à história de cada material exposto, durante os meses de agosto e setembro a Secretaria de Turismo, através da Superintendência de Turismo Histórico e Social, vai atuar na catalogação e organização do acervo do Museu do Surf. Todo o trabalho será realizado com apoio de estagiários através de parceria firmada com o curso de História da Universidade Estácio de Sá e com a Associação Nacional de História (ANPUH).

“O Museu do Surf é um espaço de grande importância, e esse serviço que vamos desenvolver no local é essencial para que o acervo siga em ordem e possa ser consultado com facilidade pelos visitantes. Para isso, já estamos fazendo a seleção dos estagiários, e o trabalho prático deve começar já nos próximos dias” explicou o superintendente Paulo Cotias, lembrando que, além de pranchas, o local também possui relíquias como exposição de filmes, documentos, miniaturas, revistas, quadros e troféus. “A história de todo esse material precisa estar acessível de forma mais fácil para quem visita o museu”, completou.

 

O Espaço Cultural Expo Lendas do Surf fica localizado na Praça da Cidadania, em frente ao Teatro Municipal, e funciona de terça a domingo, de 17h às 22h.

DestaqueNotíciasTurismo

AcervoEspaçoExpoLendassurf

Comentários estão desabilitados.

FECHAR ACESSIBIILIDADE
%d blogueiros gostam disto: