Fiscalização do Meio Ambiente de Cabo Frio flagra corte ilegal de árvores

Após ação da Polícia Militar, infratores vão responder por crime ambiental

Fiscais do Meio Ambiente e agentes da Guarda Marítima Ambiental da Prefeitura de Cabo Frio, foram acionados por policiais militares, no último domingo (31), após um flagrante de crime ambiental. Durante ronda de rotina em uma área do Parque Estadual da Costa do Sol, no Braga, os policiais avistaram dois homens cortando árvores no local.

Os infratores foram conduzidos para a delegacia e vão responder por crime ambiental. Por se tratar da área de um parque estadual, o Instituto Estadual do Meio Ambiente (INEA), foi acionado para emitir o auto de infração.

“Temos feito muito esforço para fiscalizar e identificar quem vandaliza o meio ambiente em Cabo Frio. Neste caso em específico, temos que agradecer aos policiais militares que nos acionaram para darmos continuidade ao flagrante. Essa integração é muito importante para a cidade”, disse Rosalice Fernandes, secretária de Meio Ambiente e Saneamento de Cabo Frio.

O Parque Estadual da Costa do Sol foi criado por lei em 18 de abril de 2011, e possui cerca de 9.840,90 hectares dividido em quatro setores, cada qual composto por uma ou mais áreas distintas. O Parque também abrange áreas segmentadas na Região dos Lagos, que exercem um papel importante na proteção de ecossistemas, como sambaquis, dunas, restingas, lagoas e florestas.

Últimas Notícias

NOTA EXPLICATIVA: Nesta página estão detalhados os lançamentos feitos em nome de ANDRE LUIZ NASCIMENTO VIEIRA E OUTROS, no Exercício de 2021 e MARLLON GOMES DA SILVA TEIXEIRA E OUTROS no Exercício de 2022, feitos de modo sumarizado.

Para consulta dos demais pagamentos de diárias clique aqui. Após informar o ano desejado selecione a opção DESPESAS > DIÁRIAS.

Observação: nos períodos anteriores à 2021 os pagamentos desta espécie eram realizados por meio de Processo Administrativo de adiantamento e prestação de contas por força do Decreto 3.297/2005