Prefeitura de Cabo Frio realiza edição especial da Assistência Itinerante

Ação aconteceu na Apae e atendeu mais de 70 pessoas nesta segunda-feira (18)

A Prefeitura de Cabo Frio realizou, nesta segunda-feira (18), uma edição especial do projeto Assistência Itinerante. Desta vez o atendimento foi na sede da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), e além dos assistidos, também beneficiou moradores do bairro São Cristóvão. Durante a ação, que aconteceu das 9h às 15h, foram feitos 72 atendimentos.

Entre os serviços oferecidos estavam a segunda via de certidões de nascimento, casamento e óbito e agendamento de RG. A Superintendência de Políticas Públicas de Prevenção às Drogas levou serviço de assessoramento e prevenção. A Superintendência e o Conselho da Pessoa com Deficiência participaram com orientações, agendamento de solicitação de curatela, de cadeira de rodas, cartão de estacionamento, encaminhamento para o Benefício de Prestação Continuada e o cadastro de inclusão da pessoa com deficiência do município.

Em parceria com a Secretaria de Governo, também estiveram presentes a Superintendência da Juventude, que ofereceu orientações sobre o banco de oportunidades, Identidade Jovem e Direitos da Juventude; e a Superintendência LGBTI+, com o serviço de emissão do cartão do SUS com nome social, agendamento da identidade social e demais orientações sobre os direitos da pessoa LGBTI+.

A Junta Militar também participou com orientações sobre a necessidade de regularização do serviço militar, esclarecimentos sobre o atestado de desobrigado, notório incapaz, arrimo de família, entre outras orientações. A presidente da Apae, Adriana Moraes, destacou a importância da ação no local.

“Quando recebi o convite da secretária de Assistência Social, Nilza Miquelotti, fiquei muito feliz, pois são serviços que demandam muitos trâmites burocráticos e deslocamento dos pais dos nossos assistidos. Eu, como mãe de uma pessoa com deficiência (Síndrome de Down), sei da dificuldade que é para nos deslocarmos. E aqui já temos um espaço que eles têm como segunda casa, um lugar que já lhes é familiar e com acessibilidade”, contou, a presidente.

Bárbara Godim de 25 anos, e o marido, Leonardo Firmino, de 35, elogiaram a ação. Eles são pais de uma menina de 6 anos atendida pela Apae.

“Nossa filha estuda na parte da manhã em escola regular, e na parte da tarde aqui na Apae. Gostamos muito desta ação porque nos facilitou bastante por ser aqui. Meu marido conseguiu resolver a questão da identidade dele, e eu aproveitei para também conhecer os benefícios da Identidade Jovem e me inscrever”, contou Bárbara.

Durante a atividade,19 alunos da aula de música realizaram um ensaio aberto para o público presente. Segundo o professor de expressão corporal, Aderllan Lima, os assistidos estão se preparando para as apresentações de final de ano, que começam na segunda semana de novembro, percorrendo as praças e praias da cidade com apresentações natalinas.

Participaram da ação a secretária de Assistência Social, Nilza Miquelotti, a secretária da Criança e do Adolescente, Betânia Batista, e o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência, e conselheiro fiscal da Apae, Adalberto César Pires,

Segundo o coordenador do projeto Assistência Itinerante, Adriano Brisola, a próxima edição está marcada para a próxima segunda-feira (25), 9h às 16h, na Escola Municipal Justiniano de Souza, localizada na Rua da Paz, em Maria Joaquina.

Últimas Notícias

Sua Denúncia foi enviada com sucesso

As informações foram  enviadas para seu e-mail.