Categorias
Boletim COVID-19 Destaque Notícias Saúde

Boletim COVID-19 [21/10/2021]

BOLETIM CORONAVÍRUS – atualizado em 21/10/2021 – 11:15

A Prefeitura de Cabo Frio divulga, nesta quinta (21), os dados da Covid-19 no município, que está na Zona Laranja de contaminação. 

Observação: nesta lista estão sendo informadas as datas em que ocorreram os óbitos confirmados no boletim de hoje, que estavam em investigação. A confirmação da morte por Covid-19 no boletim só ocorre após a devida investigação da causa do falecimento.

Seguem os dados de hoje:
 

  • Confirmados: 14.792 (14.778 até o dia anterior)
  • Descartados: 17.811 (17.730 até o dia anterior)
  • Recuperados: 13.105 (13.105 até o dia anterior)
  • Óbitos de períodos anteriores confirmados hoje: 3
  • Óbitos até hoje: 880
  • Óbitos em investigação: 34 (dia anterior 35)

Datas dos óbitos de períodos anteriores contabilizados no Boletim desta quinta (21/10/2021)

  • 19/10/2021 – UPA I / Cabo Frio
  • 17/10/2021 – UPA II / Cabo Frio
  • 12/09/2021 – P.S. Rio das Ostras / Rio das Ostras
  • Ocupação de leitos para Covid-19 no município:

(Público + Privado)
UPG+UTI: 10/20 = 50% (55% até o dia anterior)
Enfermaria: 14/37 = 38% (43% até o dia anterior)

Público
UPG: 5/14 = 36% (43% até o dia anterior)
Enfermaria: 9/30 = 30% (37% até o dia anterior)

Privado
UTI: 5/6 = 83% (83% até o dia anterior)
Enfermaria: 5/7 = 71% (71% até o dia anterior)

O governo municipal informa que os dados epidemiológicos estão sujeitos à revisão, e disponibiliza seção exclusiva com o conteúdo oficial referente a boletins, notícias, comunicados, notas e informativos sobre a situação do coronavírus no município por meio do link www.saude.cabofrio.rj.gov.br.

Categorias
Assistência Social Destaque Notícias Saúde

Mutirão de atendimento para os beneficiários do Bolsa Família realiza mais de 500 atendimentos de serviços de saúde

Ação aconteceu nesta quarta-feira (20) Condomínio Monte Carlo, no Jardim Esperança

A Prefeitura de Cabo Frio realizou 547 atendimentos de saúde, nesta quarta-feira (20), durante o mutirão realizado no Condomínio Monte Carlo (Minha Casa, Minha Vida), no Jardim Esperança. A iniciativa foi uma ação intersetorial de acompanhamento para as famílias beneficiadas pelo Programa Bolsa Família.

Com apoio da Associação de Moradores, as atividades contemplaram checagem de peso, altura, verificação do cartão vacinal, pré-natal das mulheres gestantes, entre outras ações.

Foram 110 cadastramentos no Sisvan, que é um sistema de informação que visa descrever e predizer de maneira contínua, tendências das condições de nutrição e alimentação da população. Alunos de nutrição de universidades da cidade também marcaram presença apoiando as ações.

As equipes da Secretaria de Saúde aplicaram 164 doses de vacina de rotina em crianças com atraso vacinal, e outras 30 da segunda dose da vacina contra a covid-19. Pelo menos 211 pessoas fizeram a pesagem para o programa Bolsa Família, além de outros 32 atendimentos de atualização cadastral.

O serviço de acompanhamento do Programa Bolsa Família também é realizado nos postos de saúde; no Hospital Otime Cardoso dos Santos, no Jardim Esperança; e no Centro de Saúde Oswaldo Cruz, no Braga. Todas as unidades funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

DIA D DA PESAGEM

Para reforçar ainda mais a ação, a Prefeitura vai realizar, ainda, o dia D da pesagem dos usuários do Bolsa Família. A ação acontecerá nesta segunda-feira (25), das 9h às 16h, nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Estratégias Saúde da Família (ESF).

Na área quilombola e na Zona Rural, equipes da Secretaria de Saúde realizarão rodas de conversa para identificar as necessidades dessas comunidades, considerando a cultura e as particularidades da população.

Atualmente Cabo Frio possui 10.899 famílias beneficiadas pelo Bolsa Família. O programa é de transferência de renda condicionada, ou seja, é necessário que os beneficiários cumpram o acompanhamento familiar para o recebimento do auxílio. O objetivo é melhorar a qualidade de vida das pessoas atendidas pelo programa.

As unidades de saúde de Cabo Frio estão seguindo todos os protocolos de segurança com relação à prevenção ao Covid-19. No entanto, é importante que cada cidadão faça a sua parte e utilize máscara cobrindo boca e nariz, evite levar as mãos ao rosto, mantenha a higienização com água e sabão ou álcool 70%, e respeite o distanciamento social.

Categorias
Assistência Social Criança e Adolescente Governo Guarda Civil Municipal Melhor Idade Melhor Idade Mulher Secretaria de Direitos Humanos e Segurança Superintendência de Políticas Públicas da Pessoa com Deficiência Superintendência LGBTQ+

Prefeitura de Cabo Frio cria grupamento Patrulha Solidária

Projeto tem como pilares o acolhimento e auxílio a moradores em situação de vulnerabilidade social

A partir de agora Cabo Frio conta com o serviço da Patrulha Solidária, um grupamento direcionado ao auxílio e acolhimento de cidadãos em situação de vulnerabilidade social. Idealizado pela Secretaria de Direitos Humanos e Segurança, o lançamento aconteceu nesta quarta-feira (20) no auditório da Prefeitura.

A Patrulha Solidária é um grupamento da Guarda Civil Municipal de Cabo Frio. Ele atuará com operações diárias em vários bairros da cidade de forma a atender pessoas em situação de vulnerabilidade social na cidade. Para isso, a patrulha conta com um veículo exclusivo.

O novo dispositivo vai atuar na proteção, prevenção, acolhimento, monitoramento e acompanhamento de mulheres, população trans, pessoas com deficiência, idosos, crianças e adolescentes, vítimas de violência familiar ou estado de abandono. O serviço pode ser acionado pelo número 153.

A atuação da Patrulha Solidária é integrada às superintendências que atendem demandas referentes ao público-alvo que é acolhido. Para dar efetividade ao trabalho, toda a corporação da Guarda Civil Municipal passou por capacitações teóricas e práticas sobre direitos, vulnerabilidades, abordagem e empatia. Ao todo, 400 agentes municipais foram instruídos durante 15 dias.

“Quando assumi a Secretaria de Direitos Humanos e Segurança tínhamos o objetivo claro de integrar essas duas pastas, antes vistas como distintas e antagônicas. A Patrulha Solidária marca esse momento, em que reunimos toda nossa corporação para fazer cada um deles entender qual é o seu lugar, ter empatia e fortalecer o sentimento de servir e ajudar as pessoas. A Patrulha Solidária não é um serviço de ronda ostensiva de segurança, ela tem o objetivo de rodar a cidade em busca de quem precisa de ajuda, de acordo com as necessidades, encaminhando para os dispositivos de direito. Esse é um resgate junto à população. Que ela tenha segurança e confiança nos nossos agentes”, disse a secretária de Direitos Humanos e Segurança, Aglaia Olegário.

O grupamento especial foi apresentado em uma reunião pública, com a participação de diversos setores municipais. A mesa de cerimônia foi composta pelas secretárias de Direitos Humanos e Segurança, Aglaia Olegário; da Criança e do Adolescente, Betânia Batista; de Assistência Social, Nilza Miquelotti; pelo secretário-adjunto de Desenvolvimento Humano, Neemias Lima; as superintendentes de Políticas Públicas, da Pessoa com Deficiência, Idalina Araújo; da Mulher, Tânia Lopes; LGBTI+, Pedro Rosa; pela coordenadora do Centro de Atendimento à Mulher (CEAM), Ludmila Roque e pelo presidente do Grupo Avivamento Rio de Deus (GARD), Paulo Bittencourt.

Também estiveram presentes a secretária da Melhor Idade, Delamar Sant’Anna; o secretário adjunto de Ações Estratégicas, Nathan Barbosa; os coordenadores de Direitos Humanos, Carla Rodrigues, e da Guarda Civil Municipal, Robem Rodrigues; o inspetor de polícia da Delegacia de Atendimento à Mulher de Cabo Frio (DEAM), Silvio Rocha; agentes da Patrulha Maria da Penha de Rio das Ostras, entre outras autoridades.

PROGRAMA GUARDA SOLIDÁRIA

A Patrulha Solidária faz parte da Guarda Solidária, um programa instituído pela Secretaria de Direitos Humanos e Segurança de Cabo Frio que compreende a união da Coordenadoria de Direitos Humanos e Departamento de Trânsito, em ações práticas de políticas públicas voltadas aos cidadãos em situação de vulnerabilidade social. Dentro do programa, também está compreendida a Ronda Escolar.

Categorias
Cultura Destaque Notícias

Projeto de Cabo Frio fica entre os 16 finalistas no edital “Cidades que Transformam”

Município ficou na 11ª colocação e aguarda convocação para início dos trabalhos

Cabo Frio está entre as 16 cidades pré-selecionadas no edital “Cidades que Transformam” e poderá receber apoio financeiro para desenvolver o projeto “Cultura Transforma”. O resultado foi anunciado nesta terça-feira (19) pelo GNova Transforma da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), entidade vinculada ao Governo Federal.

Ao todo, o edital recebeu inscrição de 149 projetos de todos os cantos do país. Na primeira fase apenas 30 foram selecionados. Já na segunda, de acordo com o edital, seriam apenas 10. Mas outros seis projetos chamaram a atenção devido à qualidade, e também foram pré-selecionados. Cabo Frio foi a primeira cidade selecionada nesta repescagem, ficando na 11ª colocação. Com isso, o projeto da Secretaria de Cultura do município poderá ser convidado a integrar as jornadas de inovação, dependendo da disponibilidade orçamentária da Enap.

A Escola Nacional de Administração Pública busca auxiliar os municípios que queiram receber apoio técnico e metodológico na construção de soluções que contribuam para alcançar os objetivos do desenvolvimento sustentável. Um dos objetivos é fortalecer as capacidades municipais para criar e implantar soluções que respondam às necessidades da população.

No projeto inscrito no edital, Cabo Frio pretende capacitar agentes culturais nas periferias da cidade, se comprometendo com o eixo de igualdade racial e de gênero. Um dos desafios públicos vai ser aumentar a adesão de jovens negros, homens e mulheres às políticas culturais da cidade. Os agentes culturais participantes devem estar na faixa etária de 15 a 29 anos e serem moradores de bairros em vulnerabilidade social.

A iniciativa também tem o objetivo de funcionar como um mecanismo de proteção social e de garantia do direito à Cultura, tendo em vista que a publicação do Relatório de Pessoas em Vulnerabilidade Social, da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro, mostra que jovens negros nessa faixa etária têm os maiores índices de mortes causadas por homicídio em Cabo Frio.

O perfil do público a ser atendido foi traçado com base nos percentuais da ferramenta de mapeamento do cadastro de artistas da cidade, que identificou, de acordo com os maiores índices de violência urbana, déficit nos seguintes bairros: Boca do Mato, Cajueiro, Manoel Corrêa, Monte Alegre, Jardim Esperança, Jardim Peró, Tangará e Parque Eldorado, além das comunidades quilombolas de Botafogo, Espírito Santo, Maria Joaquina, Maria Romana e Preto Forro.

Caso Cabo Frio fique entre as cidades selecionadas, as equipes da prefeitura irão participar de uma jornada de inovação com apoio técnico e metodológico da equipe de transformação governamental da Enap e de seus parceiros. As jornadas de inovação estão previstas para acontecer de novembro deste ano até novembro de 2022. Os selecionados serão convidados a assinar um plano de trabalho, documento que irá formalizar a parceria entre a Enap e a prefeitura.

Os projetos selecionados podem, por exemplo, redesenhar um serviço público para melhorar a experiência dos seus usuários, ou definir estratégias para aumentar o impacto de uma política pública. É possível também construir um modelo de solução digital para algum serviço público.

A jornada também irá contribuir para desenvolver competências de inovação nas equipes das prefeituras, que terão oportunidade de conhecer novos conceitos e metodologias, realizar trocas de experiências com gestores municipais que enfrentam desafios semelhantes, fazer conexões com gestores de programas públicos federais, consultar especialistas e colocar a mão na massa para resolver o problema local.

Categorias
Assistência Social Destaque Notícias

Cabo Frio realiza capacitação com os acolhidos da Casa de Passagem e Centro de Acolhimento

Ação contou com oficinas de desenvolvimento de habilidades e orientações para o mundo do trabalho

Com o objetivo de orientar e capacitar os usuários da Casa de Passagem e Centro de Acolhimento para o mercado de trabalho, a Prefeitura de Cabo Frio realizou nesta terça (19) e quarta-feira (20), por meio do Programa Nacional de Promoção do Acesso ao Mundo do Trabalho (Acessuas Trabalho), palestras e oficinas de elaboração de currículo, orientações sobre o trabalho formal e informal, trabalho em equipe, produtividade e liderança.

Segundo a coordenadora do Programa, Evelane Nogueira, ele tem como objetivo principal apoiar os usuários dos equipamentos sobre a importância da reinserção no mercado de trabalho. Ao todo, 72 usuários foram atendidos na ação.

“Estamos muito felizes em realizar este projeto, pois nosso trabalho aqui é despertar o potencial dessas pessoas. Para isso elaboramos uma série de oficinas onde os usuários são aconselhados e apoiados desde a construção de seu currículo até as formas de ingresso ao mercado e postura profissional”, contou a coordenadora.

Categorias
Destaque Notícias Saúde

Prefeitura de Cabo Frio apresenta novo relatório quadrimestral de ações da saúde

Encontro teve como objetivo o acompanhamento e monitoramento das ações da saúde no desenvolvimento do Plano Municipal de Saúde

A Prefeitura de Cabo Frio apresentou, nesta quarta-feira (20), o segundo Relatório Detalhado do Quadrimestre Anterior (RQDA) de ações da saúde de 2021. O encontro aconteceu no plenário da Câmara de Vereadores, e foi transmitido ao vivo pelas redes sociais.

O relatório é um instrumento normativo instituído a partir da legislação do Sistema Único de Saúde (SUS), e tem como objetivo o acompanhamento e monitoramento das ações da saúde no desenvolvimento do Plano Municipal de Saúde.

Conduzido pela Secretária Adjunta de Administração e Saúde, Kamila Vianna, e pela Superintendente de Gestão, Alexandra da Silva Gomes, a apresentação abordou o levantamento detalhado do segundo quadrimestre, destacando as principais ações realizadas, o cenário de adoecimento e mortalidade do município e análise situacional da rede de saúde, além das demais ações desempenhadas pela Secretaria.

A pandemia e as ações de combate e enfrentamento ao coronavírus realizadas pela Secretaria de Saúde durante o período foi pontuado na reunião. Foram citados dados como índices de contaminados, ocupação de leitos, ações de combate e cobertura vacinal contra a covid-19, valores gastos, entre outros.

Embora já tenha feito a apresentação do relatório do segundo quadrimestre, a Secretaria de Saúde ainda está agendando uma data para apresentar os relatórios do primeiro quadrimestre de 2021 no plenário do Poder Legislativo. Isso porque a apresentação dos quatro primeiros meses deste ano foi solicitada no dia 31 de maio, por meio do Ofício 154/2021, mas em 1º de junho a Câmara respondeu, por meio do Ofício 039/2021, que a Casa Legislativa estava impedida de atender à solicitação por conta da suspensão parcial das atividades, normatizada pelo ato 011/2021.

Categorias
Destaque Educação Notícias

Prefeitura de Cabo Frio divulga resultado da análise de documentos do Processo Seletivo da Educação

A Prefeitura de Cabo Frio divulgou esta semana o resultado da análise de documentos dos candidatos aos cargos de auxiliar de classe, motorista II, orientador educacional e vigia do Processo Seletivo da Secretaria de Educação.

Quem tiver exigências a cumprir, deverá se apresentar nesta sexta-feira (22), na sede da Secretaria de Educação, localizada no Largo Santo Antônio, 131, Centro, conforme cronograma disponibilizado no link (https://www.semecabofrio.rj.gov.br/semecabofrio/wp-content/uploads/2021/10/resultado-da-an%C3%A1lise-de-docs.pdf).

Na ocasião, todos deverão portar ficha de inscrição impressa, cópia dos documentos pessoais e habilitação profissional para o cargo a que concorre, além dos títulos e experiência profissional que geraram a pontuação obtida.

Em caso de desclassificação, o candidato pode encaminhar justificativa de discordância para o e-mail recurso.processoseletivo@semecabofrio.rj.gov.br, indicando no assunto da mensagem o nome, número do CPF, classificação e cargo a que concorreu. Também é necessário enviar a ficha de inscrição para recurso. O período para recorrer começou nesta quarta-feira (20) e termina domingo (24).

Categorias
Agricultura Destaque Educação Notícias

Escolas da rede municipal de Cabo Frio recebem primeiras entregas de alimentos da agricultura familiar

Itens fornecidos pelos produtores rurais incluem abóbora vermelha, aipim, alface lisa, banana prata, cheiro verde, couve, laranja seleta, beterraba e batata doce

As escolas da rede municipal de Cabo Frio começaram a receber, esta semana, os primeiros alimentos produzidos pela agricultura familiar, através da Associação de Pequenos Produtores Rurais do Projeto de Assentamento e Economia Solidária de Campos Novos, em Tamoios. Na rede municipal os estudantes contam com merenda elaborada pela equipe de Nutrição da Secretaria de Educação. As porções são preparadas com 30% de itens alimentícios provenientes da produção agrícola familiar da região e arredores.

Ao todo, quatro associações de agricultores familiares foram habilitadas para fornecimento de gêneros alimentícios da merenda escolar. Entre os produtos da lista estão abóbora vermelha, aipim, alface lisa, banana prata, cheiro verde, couve, laranja seleta, beterraba e batata doce.

As equipes diretivas das unidades escolares se prepararam para o retorno de uma nova porcentagem de alunos em sala de aula, 70%, de forma atender ao cardápio nutricional, que é elaborado a partir dos alimentos fornecidos, utilizados tanto para o almoço, quanto para o lanche.

Os pratos ganharam mais cores, utilizando itens como abóbora e couve para garantir o valor nutricional que os alunos precisam. Na escola agrícola municipal Nilo Batista, em Tamoios, os alunos desfrutaram de um momento nutritivo com rodelas de abacaxi.

Segundo a coordenadora de Nutrição da Secretaria de Educação, Aparecida Marinho, existe uma logística para entrega dos alimentos e controle do que é entregue nas unidades.

“As entregas ocorrem semanalmente nas unidades escolares, seguindo cronograma e rota previamente estipulada. Temos o cuidado de orientar aos diretores que façam o registro do recebimento e conferência das quantidades, e principalmente da qualidade dos produtos. Com o retorno ao ensino presencial, voltamos a oferecer aos alunos merenda com acompanhamento nutricional”, comentou.

A merenda escolar é adquirida através verbas federais do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e do Programa Municipal de Alimentação Escolar (PMAE), repassadas mensalmente pelo município às escolas. Segundo a legislação vigente, 30% do volume de alimentos destinados às escolas deve ser oriunda da agricultura familiar.

Além da merenda, fornecida regularmente durante o turno em que o aluno está matriculado, a Secretaria de Educação prepara, por meio de processo licitatório, a entrega de nova remessa de kits alimentares aos 32.037 alunos da rede matriculados no ano letivo de 2021.

Categorias
Destaque Notícias Secretária Adjunta de Ciência e Tecnologia Semana da Ciência e Tecnologia

Cabo Frio abre a V Semana da Ciência, Tecnologia e Inovação

Evento acontece até sexta-feira (20) com palestras e debates sobre temas atuais do cenário de inovação na cidade

Teve início em Cabo Frio a V Semana Municipal da Ciência, Tecnologia e Inovação. Com o tema “A transversalidade da ciência, tecnologia e inovações para o planeta”, a solenidade de abertura foi realizada na manhã desta quarta-feira (20) no auditório da Prefeitura. Instituído em Cabo Frio por meio da Lei Nº 2.953, de 29 de agosto de 2018, até sexta-feira (20) o evento terá palestras e debates sobre temas atuais do cenário da inovação na cidade.

Após a execução do Hino Nacional Brasileiro, o secretário adjunto de Ciência e Tecnologia de Cabo Frio, Rafael Peçanha, ressaltou a presença de diversos secretários municipais, vereadores e representantes das instituições de ensino, e destacou a relevância da ciência no atual momento que o Brasil atravessa.

“Nunca foi tão importante ter a ciência em primeiro lugar, principalmente no momento de descaso que o nosso país passa. É importante também reconhecermos as pessoas que trabalham com ciência em Cabo Frio, porque às vezes pensamos que isso é algo que está extremamente acima de nós, tanto geograficamente quanto intelectualmente. Mas temos na cidade pessoas que estão inovando, produzindo e criando produtos científicos, e este evento vem para mostrar isso”, declarou Rafael Peçanha.

Presente ao evento, Léo Lupi, membro do Núcleo de Pesquisa de Geopolítica, Integração Regional e Sistema Mundial do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da UFRJ, falou a respeito do corte de R$ 600 milhões em recursos de pesquisa da área científica, realizado pelo Governo Federal neste mês de outubro.

“Muito importante aproveitar a abertura deste evento para citar, com muita tristeza, esse corte de 92% da área da Ciência e Tecnologia, que vai prejudicar muito o país e consequentemente as cidades do Brasil. Tenho certeza que mesmo assim, o prefeito José Bonifácio tem todo o empenho para fazer de Cabo Frio uma cidade mais inteligente, com integração cada vez maior das diferentes Secretarias, pensando em uma gestão pública cada vez mais eficiente e inovadora”, disse Léo Lupi.

O chefe de gabinete, Pedro José, esteve presente ao evento representando o prefeito José Bonifácio, e compôs a mesa ao lado de Rafael Peçanha e Léo Lupi. Além deles, a abertura da V Semana da Ciência, Tecnologia e Inovação contou com a presença da secretária de Direitos Humanos e Segurança, Agláia Olegário; do secretário de Meio Ambiente e Saneamento, Juarez Lopes; de Administração, Ruy França; de Mobilidade Urbana, Jefferson Buitrago; de Obras e Serviços Públicos, Tita Calvet; de Turismo, Esporte e Lazer, Carlos Cunha; e da secretária da Melhor Idade, Delamar Sant’Anna. Também marcaram presença os vereadores Jean da Autoescola e Rodolfo de Rui.

PROGRAMAÇÃO DO EVENTO

Ainda nesta quarta-feira, às 18h, será transmitida uma mesa redonda com o tema “A ciência e o mar (primeiro ano da Década dos Oceanos)”, com a participação de Marcelo Tardelli (Mestre em Engenharia Ambiental pelo IFF); Alex Bastos (Doutor em Dinâmica Sedimentar pela University of Southampton com Pós-Doutorado em Geofísica de Alta Resolução no National Oceanography Center); Valéria Quaresma (Doutora em Dinâmica Sedimentar – University of Southampton) e Roberto Ramos (Presidente do Projeto Mar sem Lixo).

Na quinta-feira (21), às 10h, em parceria com a Secretaria de Educação, será realizada uma Feira Universitária Virtual, apresentando as universidades locais aos estudantes de ensino médio e fundamental da rede municipal de ensino, através de vídeos produzidos pelas instituições e publicados no YouTube oficial da Prefeitura de Cabo Frio.

Já na sexta-feira (22), às 10h, no último dia do evento, será transmitida ao vivo, na página da Prefeitura no Facebook, mais uma mesa redonda, desta vez com o tema “Mulheres e Meninas na Ciência”, com a participação de Raiza Monteiro Poggiali (mestra em produção, processos e dinâmicas espaciais e ambientais pela UFJF e coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Estácio de Sá); Rosana Rodrigues (Vice-reitora da UENF, doutora em Produção Vegetal pela UENF, com pós-doutorado em Biologia Molecular na University of Florida), Anabell del Real Tamariz (Doutora em Engenharia Elétrica na área de Automação pela Universidade Estadual de Campinas, professora associada da UENF, ex-diretora do Centro de Ciência e Tecnologia da UENF).

Às 15h, será realizado o encerramento oficial do evento no auditório da Prefeitura. Na atividade, haverá a entrega do Diploma Otime Cardoso dos Santos aos palestrantes e participantes das mesas redondas. Além disso, serão homenageados com o diploma, sete cientistas com destaque em diferentes áreas do conhecimento: Luiz Guilherme Scaldaferri; Acioli Junior; Joílton Mendes; Ivan Rollas; Eduardo Pimenta; Manildo Marcião de Oliveira e Gabriela Avolio.

Ainda na cerimônia de encerramento, será entregue a Medalha Professora Yone Nogueira ao maior destaque de produção científica cabo-friense no ano de 2021. A homenagem será à equipe de criação, administração e pesquisa do setor de pós-covid da Secretaria Municipal de Saúde de Cabo Frio, idealizado por Tatiana Ribeiro, fisioterapeuta e coordenadora de Reabilitação Hospitalar. O setor de pós-covid é o primeiro da região e do interior do estado do Rio de Janeiro, e se tornou objeto de estudo e pesquisa para produção de artigos científicos.

Categorias
Destaque Educação Notícias

Prefeitura de Cabo Frio paga triênios e anuncia mudança de nível para 1300 servidores efetivos da Educação

Profissionais também receberam o vale transporte do mês de outubro, de forma antecipada, e as unidades escolares receberam repasses do PDE e PMAE

A Prefeitura de Cabo Frio atualizou o pagamento de triênios e mudança de nível para servidores efetivos da Secretaria Municipal de Educação. Ao todo, 1.371 profissionais receberam o total de R$ 1.235,324,02 em benefícios referentes aos primeiros nove meses de 2021. Os benefícios estavam congelados desde o mês de dezembro de 2020.

O pagamento de direitos aos colaboradores é uma das promessas da atual gestão, na busca por valorização dos servidores da educação. Desde setembro, os triênios e mudanças de nível estão sendo atualizados automaticamente, conforme o servidor tenha direito aos valores.

Além dos montantes creditados, 4.632 profissionais receberam, de forma antecipada, no dia 25 de setembro, o salário daquele mês, somando um total de R$ 15.665.568,13. Para os servidores efetivos foi repassado, ainda, o vale transporte referente ao mês de outubro, no valor de R$ 57.036,10. O pagamento do benefício para deslocamento dos profissionais, creditado sempre no mês anterior, é meta estipulada pela atual gestão da Secretaria de Educação, desde a posse em julho deste ano.

As unidades escolares receberam, também no mês de setembro, o total de R$ 303.994,00 em verbas do PDE (Programa Dinheiro na Escola) e R$ 307.014,00 em repasses do PMAE (Programa Municipal de Alimentação Escolar). A transferência de recursos do PDE deve ser utilizada pelos diretores, por meio dos Conselhos Escolares, para custear despesas como manutenção básica, limpeza e higiene, material de papelaria, serviços de internet e produção do material didático do ano letivo corrente. Já em relação ao PMAE, os valores são para utilização na aquisição de gêneros alimentícios da merenda escolar.

Ambos programas têm origem nos recursos próprios do governo municipal. A distribuição dos valores é realizada com base no número de alunos matriculados em cada escola, no caso do PDE. Os valores do PMAE têm como base de cálculo o número de refeições servidas na unidade escolar, no mês anterior.

“Temos muito a avançar para que a rede municipal de Cabo Frio alcance a excelência que buscamos. Os desafios são grandes, mas a equipe da Secretaria de Educação está empenhada em buscar soluções para as adversidades que se apresentam. Estamos honrando os compromissos de campanha do prefeito, de manter os salários e benefícios em dia, proporcionando bem-estar aos servidores da educação”, comentou a secretária de Educação, Elicéa da Silveira.