Jardim Esperança vai discutir Plano Participativo de Mobilidade

Nesta segunda-feira (19), às 18h30, o Departamento de Engenharia de Trânsito e Transporte (ENGETTRANS) da Secretaria de Mobilidade Urbana de Cabo Frio se reunirá com os moradores do Jardim Esperança e bairros adjacentes para tratar de assuntos referentes à mobilidade. O encontro será no Salão Paulana Festas, na Travessa São Judas Tadeu, n° 35, no Jardim Esperança.


SAIBA MAIS

Bairro Palmeiras recebe marcações de vagas exclusivas para idosos e deficientes

Mobilidade Urbana promove pintura de sinalização horizontal em Cabo Frio

De acordo com o Coordenador de Engenharia de Tráfego, Pedro Lopes, a reunião tem o objetivo de sanar os problemas dos bairros. “É muito importante a realização desses encontros com a população para que eles possam relatar os problemas do bairro, que eles conhecem melhor do que ninguém. Somente dessa maneira teremos condição de construir o Plano Participativo de Mobilidade Urbana”.

Além do Jardim Esperança também estão sendo convocados moradores daBoca do Mato, Caminho de Búzios, Colinas do Peró, Jardim, Esperança, Jardim Peró, Monte Alegre I e II, Morro do Limão, Parque Eldorado I, II e III, Pedacinho do Céu, Porto do Carro, Reserva do Peró, São Jacinto, Tangará, Valão e Vila do Ar.

Pedro Lopes lembra que nesses encontros são abordados assuntos como acessibilidade, transporte coletivo, estacionamento, transporte de táxi, bicicleta, transporte escolar e todos os assuntos que envolvem a pasta nessas localidades. Este será o quinto e último encontro da série, que já passou pelo Peró, Centro, Tamoios e São Cristóvão.

Para o secretário de Mobilidade Urbana, Mauro Branco, a participação da sociedade tem sido fundamental para a construção do Plano: “É muito gratificante ver as pessoas saírem do conforto de seus lares para dar sua contribuição no Plano de Mobilidade. Isso nos incentiva, nos motiva a continuar trabalhando por uma Cabo Frio com mais qualidade de vida para todos nós que partilhamos nossa cidade”, conta ele.


Além das reuniões, o calendário de elaboração do Plano de Mobilidade Urbana de Cabo Frio ainda também prevê ações como pesquisas complementares e eventos técnicos (com especialistas). A previsão é de que a definição das propostas aconteça em abril. Após a consolidação do Plano em forma de Projeto de Lei (PL), ele será encaminhamento à Câmara Municipal de Vereadores para aprovação.


O Plano foi lançado junho de 2017, no auditório da Prefeitura. Os delegados inscritos participaram de uma capacitação no início de novembro que teve por objetivo transmitir conceitos sobre mobilidade urbana utilizados na política nacional (Lei 12.587 de 2012). Cerca de 100 delegados participaram das palestras promovidas pela Secretaria de Mobilidade Urbana, discutindo temas como “a cidade que queremos” e “como construir a cidade que queremos”. A ideia é que os delegados possam agir como formadores de opinião para difundir os conhecimentos em seus bairros.

Últimas Notícias

Sua Denúncia foi enviada com sucesso

As informações foram  enviadas para seu e-mail.